in

Da nova geração do rap, GABZ lança clipe de “Bota a Cara” com inspiração em Beyoncé e citações a Eminem e Lauryn Hill

O rap nacional se recicla com novos nomes no mercado e uma mulher da nova geração entregou ao POPline com exclusividade seu novo videoclipe. “Bota a Cara”, a nova música da GABZ, veio de uma conversa informal que a artista teve com os amigos, disse. “Estava trocando ideia com eles sobre coisas que nós deveríamos nos posicionar, por isso o nome ‘Bota a Cara’. Eles pilharam tanto que escrevi a letra em alguns minutos. Quando vi, reparei que a música era minha cara”, disse em nota oficial.

E “Bota a Cara” é cheio de referências e citações. No clipe, a rapper fala em estética pop e Beyoncé. “Este clipe mistura conceitos de estética pop. Os manequins representam como pessoas estão no século XXI, como estamos recebendo as informações e a forma como lidamos com a tecnologia. Somos influenciados por coisas efêmeras. No fim não recebemos o que de fato nos importa. Então quis mostrar o contrário, que é dialogar com a sociedade e com as pessoas por meio de algo real e mostrar que do outro lado há muita densidade. Óbvio que tem um pouco de deboche, que é uma característica importante na minha letra. Este clipe é uma realização, sempre me inspirei na Beyoncé, sempre quis ter meu clipe em estúdio. Agora posso dizer que tenho meu próprio Single Ladies”, brincou GABZ.

Sister Nancy pesou na escolha de um ritmado reggae para a musicalidade da música e na letra, GABZ cita Xuxa, Sabotage, Eminem e Lauryn Hill e ainda cita frase do sucesso “Doo Wop (That Thing)” de Lauryn. Assista abaixo:

Confira a letra:

O bonde não vai perdoar
Bota a cara pra ver nóis passar
O bonde não vai perdoar (É a Gabz)
Bota a cara pra ver nós passar

Nós tamo descendo a ladeira
E mesmo que eles não queira, eles vão falar besteira
Deixa elas perder a calcinha que nós enche a carteira
Perdoa, Pai, eles não sabem o que dizem, mas
Não chega longe far, eles são fraco, cry
Nesse game ninguém sabe o que faz, mas
Se bater comigo, cê já sabe que cai cai

Miséria ou droga, o que é mais excitante?
Patricinha sobe o morro só pra hm, só pra é, né!
Elas querem ter tipo um Pelé
E eu já sei qual é, eu já sei qual é, eu já sei qual é, ahn
É que elas são Xuxa: flow Só Pra Baixinho
Por isso eu já mandei pisar no chão devagarinho

O rap tá doente, precisa de SUS
Eu vim ser agiota de quem não faz jus
Tá achando que o preço foi pago na cruz
Procure saber, em nome de Jesus
Favela vive, BK já sabia
Por isso eu não sou filha do dono da padaria
E nem quero comer sobra
Eu não sou massa de manobra
Nada nos foi pago e a vida ainda cobra
Eu sei que é injusta a disputa
Mas meu sangue é Fela Kuti
E o deles féla da hm

O bonde não vai perdoar
Bota a cara pra ver nós passar
O bonde não vai perdoar
Bota a cara pra ver nós passar

The second verse is dedicated to the men
Que quer ser tipo Eminem, mas só fala “M” e nem
Chega perto que eu durmo de olho aberto
E é bom cê já saber que aqui é certo pelo certo
Então, cê tá querendo, bate uma que passa
Aqui passa nada, se bater não adianta, nós come de porrada
Pode até tentar, mas não vão nos parar
Quando viu, eu já cheguei (oh là là là!)

Eu tinha que falar, já era hora
O meu flow é Lauryn Hill, e no seu flow a Lauryn chora
Cegos pelo ego em exílio, hoje vim ser colírio
Esclarecer que Kilario-ô-ô-ô
Meu flow remédio, cura
Eles genérico, frescura
Nos salve, nos salve, nos salve, nos salve
Nos salve, Sabotage
Eu quero que vocês se hm… Top, top, top
Nós manda no ragga, no jazz, no soul e no rock
Eu quero que vocês se hm… Top, top, top
Eu sou mais rap que vocês até fazendo pop
Eu quero que vocês se hm… Top, top, hm, hm
Derrubo um por um com meu ziriguidum

O bonde não vai perdoar
Bota a cara pra ver nós passar
O bonde não vai perdoar
Bota a cara pra ver nós passar

Escrito por Amanda Faia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

AMA 2018: premiação revela primeiras atrações musicais ao vivo

“Bolsonaro e eu tivemos um caso”. Internautas viralizam tweet antigo de Rita Lee sobre o candidato à Presidência