Foto: Reprodução/Twitter @Euronext
in

Believe abre oficialmente capital na Bolsa de Valores

A empresa lançou 14,35% de seu patrimônio por meio de seu IPO, levantando € 300 milhões (cerca de R$ 1,8 bilhão) no processo.

A empresa de distribuição e serviços Believe abriu oficialmente o capital nesta quinta-feira (10), estreando na Euronext, de Paris. De acordo com informações do Music Business Worldwide (MBW), a empresa lançou 14,35% de seu patrimônio por meio de seu IPO, levantando € 300 milhões (cerca de R$ 1,8 bilhão) no processo.

Após o IPO, a TCV continuará a deter 41,67% da Believe, enquanto o fundador e CEO da companhia musical, Denis Ladegaillerie, deterá 12,62%. Outro acionista majoritário, a Ventech, terá 17,08%.

Ainda de acordo com a publicação, até agora, a Believe optou por não ativar uma distribuição excessiva adicional de ações, o que a teria gerado € 330 milhões no total, e o float de 15,7% de sua empresa. No entanto, a empresa reserva-se o direito de fazê-lo, por meio do agente de estabilização JP Morgan, até o dia 9 de julho.

A Believe fixou o preço de seu IPO em € 19,50 por ação, dando-lhe uma avaliação de valor de mercado de € 1,9 bilhão. Os investidores institucionais no IPO incluíram o Fonds Stratégique de Participations (FSP), que adquiriu 60 milhões de euros em ações.

“A Believe está cruzando um novo limiar em seu desenvolvimento ao abrir o capital. Os recursos captados nos permitirão investir em nossa plataforma de tecnologia inovadora e implementar nossa ambiciosa estratégia de aquisições direcionadas”, revelou  Ladegaillerie, que fundou a Believe em 2005. “Esta transação também pretendia construir uma base de acionistas sólida e equilibrada ao lado da TCV, nosso acionista de longo prazo”, completa.

“Temos uma jornada emocionante pela frente e mal posso esperar para continuar moldando o futuro com você e construindo com você o líder global no desenvolvimento de artistas e gravadoras independentes no mundo digital”, disse o CEO.

A MBW revelou ainda que a Believe pretende gastar até € 100 milhões por ano em 2021, 2022 e 2023 em aquisições.

Escrito por Rafa Ventura

O que os fãs estão fazendo com os produtos do BTS x McDonald’s?

Capa da GQ, Gil conta que já lucrou o valor do prêmio do BBB 21