in

Atriz Asia Argento é demitida do X-Factor Itália após confirmação de abuso sexual a garoto de 17 anos

Quando surgiram as acusações de assédio sexual contra o produtor de cinema Harvey Weinstein, que deram início ao movimento #MeToo, a atriz italiana Asia Argento foi uma das vozes mais fortes. Ela própria acusou Harvey de molestá-la sexualmente e estava sempre na linha de frente dos movimentos feministas criados a partir disso.

Mas agora, Asia está do outro lado da mesa.

Apesar de negar tudo, a atriz foi acusada de abusar sexualmente do também ator Jimmy Bennett, que na época, em 2013, tinha apenas 17 anos, enquanto ela tinha 37. O caso ganhou bastante repercussão internacional e agora, com provas substancialmente sólidas (como uma foto dos dois em uma cama de hotel), Asia Argento foi demitida de seu cargo de jurada do X-Factor Itália, mesmo após já terem começado as gravações da atual temporada.

A informação é do site TMZ.

Jimmy Bennett, mesmo após a acusação, afirmou estar se sentindo envergonhado e assustado. Em comunicado à imprensa, o ator afirmou: “Inicialmente, não falei da minha história porque preferi lidar com a pessoa que me ofendeu em particular.”

“O meu trauma ressurgiu quando ela veio dizer publicamente que era vítima de abusos sexuais. Não disse nada publicamente nos últimos dias e horas porque tinha vergonha e medo de o fazer em púbico.”

“Na altura, acreditava que ainda havia um preconceito de estar esta nesta situação sendo um homem”, concluiu Jimmy Bennett.

Na época das acusações, emm 2017, Asia Argento confirmou que seu namorado na época, Anthony Bourdain, pagou uma boa quantia em dinheiro que Jimmy Bennett pedia para não continuar com o processo. “Anthony encarregou-se pessoalmente de ajudar Bennett economicamente, com a condição de que não se intrometesse mais na nossa vida”, afirmou Asia Argento.

Escrito por Kavad Medeiros

Rihanna se reúne com produtor de seus álbuns em Barbados

Liam Payne posta foto sem camisa para promover “First Time”