6 vezes em que Katy Perry falou da cabeça raspada de Britney Spears
Em 15/02/17 às 13:45 Por: Leonardo Torres | Oh My God!, Yeah! Notícias

As declarações de Katy Perry acerca de “raspar a cabeça”, durante sua passagem pelo tapete vermelho do Grammy Awards, ainda repercutem. A cantora não tocou no nome de Britney Spears, mas irritou muito os fãs da cantora, que viram ali uma alfinetada. Diante disso, o site internacional Buzzfeed publicou uma matéria intitulada “Querida Katy Perry, por favor, pare: está na hora de seguir em frente e arranjar novas ‘piadas’”. No post, o Buzzfeed repassa seis vezes em que a cantora fez graça com o assunto, ignorando que ele simbolizou um problema sério e grave de saúde mental.

enhanced-buzz-23665-1362585969-5

Britney Spears raspou a cabeça em 2007, diante dos cliques de paparazzi, em um ato de desespero. Ela enfrentava problemas com abuso de substâncias, divórcio, briga pela guarda dos filhos, e entradas e saídas repentinas de clínicas de reabilitação. “Como ela era um alvo fácil e era uma época diferente, as pessoas logo começaram a fazer piadinhas sobre cabeças raspadas. Raspar a cabeça, em suma, ficou conhecido como ‘fazer a Britney’. O problema é que esse negócio perdeu a graça rápido. Como todos sabemos hoje, não é legal fazer piada com transtornos mentais. E Britney foi tratada de uma maneira absurdamente escrota. Estávamos acompanhando uma mulher chegar ao fundo do poço, bem diante de nossos olhos. Ninguém se propôs a ajudá-la, e ver sua autodestruição virou entretenimento para milhões de pessoas”, diz o site. Mal comparando, é o que o documentário “Amy” retrata, com o caso de Amy Winehouse, que acabou morrendo.

Mas, voltando à Katy Perry, o Buzzfeed identifica que ela “aparentemente é obcecada pelo fato de Britney Spears ter raspado a cabeça. Ela já mencionou isso diversas vezes ao longo de sua carreira e, até hoje, parece continuar achando que isso é uma piada”. Relembre os momentos:

PRIMEIRA VEZ

“Meu primeiro disco só estourou quando eu tinha 23 anos, por isso talvez meu estado mental fosse diferente de alguém que alcançou o sucesso bem mais jovem. Se você está começando a carreira aos 14 ou 15 anos, sua maturidade ainda não está totalmente desenvolvida. Não digo que nunca farei nenhuma besteira, porque algum dia eu posso querer raspar minha cabeça. Mas hoje não, senão queimarei minha careca no sol! Eu tenho sorte porque eu tenho uma excelente estrutura de apoio”, em entrevista à Radio 2 em 2010.

SEGUNDA VEZ
“É como se o fato de ser linda e estar no topo das paradas colocasse muita pressão na gente. Eu vou raspar minha cabeça ano que vem. Não consigo suportar a pressão… vou bater no seu carro com uma sombrinha”, em outra entrevista à rádio.

TERCEIRA VEZ
“Você acha que vai ter de lidar com uma coisa, mas automaticamente surgem centenas de outras coisas. E é por isso que você vê pessoas raspando suas cabeças“, em entrevista à revista Elle.

britney katy

QUARTA VEZ

QUINTA VEZ
“É tipo a última cor no espectro (loiro). Eu usei todas elas. A única coisa que falta é raspar a cabeça, o que é algo que estou guardando para um colapso nervoso. Estou disposta a isso“, no tapete vermelho do Grammy 2017.

SEXTA VEZ

“Bem, isso [pausa nos holofotes] se chama cuidar da minha saúde mental… Ainda não raspei minha cabeça!“, em entrevista ao Ryan Seacrest, no tapete vermelho do Grammy 2017.

sub-buzz-21678-1487092055-5

sub-buzz-31363-1487007876-5

bb6227604ee5cda917ba379804c845a2

998_1

enhanced-buzz-32363-1362586355-21

littlestvictims

britney_spears_people_magazine_august_27_2007_gth5v5r-sized

amd-britneyokcover-jpg



ShopLine