WME Conference faz balanço da edição 2021 vista em 10 países
Foto: Claudia Assef, Fernanda Abreu e Monique Dardenne, no WME Conference Unreal 2021/Divulgação
in

WME Conference faz balanço da edição 2021 vista em 10 países

Edição de 5 anos do evento reuniu mais de 130 mulheres da indústria da música e mais de 40 conteúdos

A quinta edição da WME Conference, plataforma dedicada às mulheres da indústria da música, foi realizada no último final de semana, entre os dias 18 e 20 de junho. Com a tag Unreal, a Conferência teve como tema o metaverso, a nova dimensão que mistura o real com tecnologias de realidade aumentada, e foi transmitida diretamente da Casa Natura Musical.

Apresentada pela Heineken, patrocinadora master e cerveja oficial, o evento contou com 135 mulheres da indústria da música e foi transmitido pela plataforma oficial do WME, com as salas e ativações ambientadas online e os shows transmitidos pelo Youtube – de forma gratuita.

WME Conference faz balanço da edição 2021 vista em 10 países
Foto: Preta Gil no WME Conference Unreal 2021/Mariana Smania, Casa Lab

Ao longo de dois dias do final de semana foram feitos 1738 logins na plataforma. As duas salas de painéis foram as mais acessadas, com mais de 5.000 visualizações em cada uma. Outros espaços concorridos foram as salas de oficinas (com quase 2.000 acessos) e de masterclasses (com 1.540 acessos ao longo do final de semana). Os conteúdos da conferência foram acessados de 10 países (Brasil, EUA, Portugal, Irlanda, França, México, Suécia, Canadá, Colômbia e Kuwait).

Uma das novidades deste edição, o Pitch de Bandas, aconteceu na sexta(18) e no sábado (19), com participação de mais de 30 curadoras, representando eventos e marcas espalhadas pelo Brasil, entre eles Rock in Rio, Coquetel Molotov, Bananada, Festival Latinidades, Se Rasgum, Festival BR 135, Oi Futuro, Summer Stage (Nova York), GRLS, Popload, entre outros.

Ao longo das sessões do sábado e do domingo, as curadoras puderam conhecer os trabalhos de 20 artistas que se inscreveram no Pitch e foram previamente selecionadas pela direção do WME. Com quase 1.000 visualizações nos dois dias, as três vencedoras do Pitch WME serão anunciadas nos próximos dias e serão contempladas com prêmios diversos oferecidos pelas curadoras.

WME Conference faz balanço da edição 2021 vista em 10 países
Foto: Cris Falcão (Ingrooves Brasil), Angela Johansen (UBC), Flavia Cesar (Warner Chappel) e Dani Ribas (Sonar Cultural) em painel no WME Conference Unreal 2021/Marina Smania, Casa Lab

Todos os profissionais e artistas que passaram pela conferência no fim de semana foram testados e seguiram rígidos protocolos estabelecidos pela organização do evento. Entre staff e serviços prestados foram gerados 169 empregos. Entre artistas e profissionais envolvidos nos shows, oficinas, masterclass e painéis, foram 134 pessoas, totalizando 303 profissionais envolvidos no evento – todos os que estiveram presencialmente nos ensaios e durante o evento foram testados, sendo dois deles testados positivamente e retornaram para suas casas.

WME Conference faz balanço da edição 2021 vista em 10 países
Foto: Raquel Virgínia, As Baías, no WME Conference Unreal 2021/Mariana Smania, Casa Lab

Em conversa com o POPline.Biz é Mundo da Música, as idealizadoras Monique Dardenne e Claudia Assef fizeram o balanço do evento, que para as executivas, traz um legado para além de fomentar oportunidades para mulheres no mercado da música, mas, dita tendências e transformações, além de ser reconhecido como um projeto de ponta da indústria musical brasileira coordenado por inteligências e executivas femininas.

“Esse ano as coisas foram muito mais tranquilas, e claro, tivemos alguns desafios pelo evento ser online. Estávamos muito mais preparadas do que ano passado, em relação aos protocolos e como agir com as pessoas fisicamente. E fazendo também um segundo ano na Casa Natura, toda a equipe alinhada, e isso foi realmente muito tranquilo (…) nós tínhamos muitas atividades acontecendo ao mesmo tempo o que trouxe um calor para a conferência, as participantes estavam muito empolgadas com a possibilidade de entrar nas salas quando quisessem”, destaca Monique Dardenne.

A executiva revela que as participantes ficaram emocionadas com a possibilidade de conexão com o Brasil inteiro, e as trocas eram muito fortes nas salas. Além disso, como os conteúdos podem ser revisitados durante 1 mês, a vontade de participar com a possibilidade on-demand aumenta.

“É sempre muito desafiador você fazer um evento híbrido e no meio de uma pandemia, sobretudo. A gente preza muito pela segurança de todas as profissionais, artistas, então esse ano foi um desafio manter esse padrão. Ano passado, fizemos dois eventos, a Conferência e o Prêmio e a gente não teve nenhum caso de Covid, isso foi maravilhoso! Acho que o grande desafio em si é você fazer um evento de música, em um segundo ano de pandemia e – com muitas aspas – os eventos digitais já estão ‘desgastados’ de uma certa forma. Então, nós tivemos que pensar em uma forma de reinventar aquilo que a gente fez no ano passado! Foi muito instigante pensar nisso e eu acho que nós conseguimos entregar a edição dentro do conceito do ‘metaverso’, analisa Claudia Assef.

WME Conference faz balanço da edição 2021 vista em 10 países
Foto: Equipe WME Conference Unreal 2021/Mariana Smania, Casa Lab

A DJ e empreendedora acredita que mesmo que com o cenário desigual das mulheres na indústria musical, há avanços e as profissionais se sentem muito mais seguras para agir em bloco, “colocar o dedo na ferida” e se apresentarem muito mais do quê como uma “cota”.

Nós mulheres do mercado da música somos muito mais do que uma ‘cota’. Somos profissionais por excelência e com especificidades diferentes e que merecemos uma chance, assim como outro profissional de qualquer gênero. Então, eu acho que isso está cada vez mais claro, dentro das mulheres que estão no mercado, e nós estamos cada vez mais unidas para gritar pelo nosso espaço”, pontua Assef.

Para Monique, o formato híbrido-online do WME permanecerá, mesmo após a pandemia, por facilitar a conexão com mais locais do Brasil e até mesmo do mundo, já que a edição desse ano foi acessada por 10 países. A executiva afirma que os números da plataforma WME crescem a cada ano e elas seguirão como uma vitrine para o mercado de oportunidades, conexão e apoio.

Em paralelo, Dardenne afirmou para o POPline.Biz que a edição do WME Awards irá acontecer no final do ano, ela que considera “o momento mais pop da plataforma” por abraçar, por meio da premiação, outros públicos para além do mercado musical.

“Vamos transmitir pelo canal TNT pelo terceiro ano, então, nós ampliaremos o discurso! Tem várias coisas que já estão encaminhadas, mas, ficamos muito felizes em confirmar que a edição acontecerá este ano!”, celebra Monique que já iniciou os preparativos para a premiação.

Os mais de 40 conteúdos da WME Conference Unreal estarão disponíveis para acesso a partir da próxima segunda-feira (28) e ficarão no ar durante 30 dias para quem comprou ingresso para o evento.

Escrito por Láisa Naiane

Ao lado de drag queens, Miley Cyrus canta “Believe”, sucesso de Cher

Entrevista: Vitão vai tratar dos ataques que recebeu em próximo álbum

Por falta de visto, Vitão anuncia adiamento de turnê nos EUA