Foto: reprodução/ @whinderssonnunes Instagram
in ,

Whindersson Nunes e Gkay defendem o nordeste após fala xenofóbica no BBB21

Whindersson Nunes e Gkay foram alguns nomes importantes do entretenimento que saíram em defesa de Juliette, confinada no Big Brother Brasil, após uma fala de Karol Conka. Em conversa com outras confinadas, a cantora afirmou que Juliette falava alto por ser da Paraíba, ao contrário dela, que é curitibana e, por isso, é mais reservada e é educada ao falar com as pessoas.

Confira a fala da rapper confinada no BBB21: 

Natural do Piauí, Whindersson publicou um tweet em que ironizando a fala de Conka: “Pois eu sou do Piauí e mto bem educado”, escreveu.

O rapper e humorista não foi o único. Gkay postou uma série de tweets sobre a fala da cantora. “Enfim, a xenofobia maquiada”, começou a humorista.

“Educação é de berço não de estado. Não mexe como nosso cristal lapidado nordeste não amor”, escreveu a humorista.

Flay também se manifestou

Mais cedo, Flay, ex participante do reality, se disse enojada com a discriminação com a cultura do nordeste do Brasil. “Me dá ânsia de tanto nojo. Nós somos calorosos, gostamos do contato, somos expressivos, somos alegres e espalhafatosos sim. Mas isso não significa que no nosso lugar a gente não aprende a ter educação e respeito”, escreveu.

(Foto: Reprodução / Instagram @flay)

Flay se identifica com Juliette – alvo das críticas dentro da casa do “BBB”. “Já cogitei mudar meu sotaque para ser melhor aceita em situações e galeras, ISSO NÃO EXISTE. NÃO MUDE, JULIETTE. Você não faz personagem. Você é FO**. Dá a cara a tapa. Sulista arrogante e prepotente que LUTE para lhe entender. Ninguém é superior a você”, Flay escreveu.

 

Escrito por Douglas Françoza

Música de Manu Gavassi para Fiuk volta ao Top 5 do iTunes, após tretas no “BBB 21”

Sem previsão de novas datas, Coachella e Stagecoach estão cancelados devido à pandemia