in

VMA 2018: MTV proibiu Nicki Minaj de levar 6ix9ine para performance

Apesar de toda a controvérsia envolvendo sua parceria com 6ix9ine em “FEFE”, Nicki Minaj queria levar o rapper para se apresentar com ela no VMA na segunda (20/8), em Nova York. Ele só não esteve presente porque a MTV proibiu. “Eu queria que o 6ix9ine cantasse comigo, mas ele não foi autorizado”, Nicki disse no programa “Queen Radio”.

A polêmica em torno de 6ix9ine se deve a uma acusação de pedofilia. Ele confessou culpa no caso, inclusive: teve relação sexual com uma garota de 13 anos e depois distribuiu vídeos do momento na Internet. Ele tinha 18 anos. Anos depois, ele disse que “não houve contato sexual” e que não sabia que ela era menor de idade. Também disse que tinha 17 e não 18 anos. Nicki aparentemente compra sua história. A maioria das pessoas, não.

Por se associar ao rapper, Nicki Minaj foi duramente criticada pela mídia e até por alguns fãs. A revista Forbes publicou um artigo chamando-a de “desesperada e hipócrita”. Isso porque, há alguns anos, Nicki twittou que “pessoas que abusam de crianças deveriam ser apedrejadas até a morte em público”.

Escrito por Leonardo Torres

Nicki Minaj solta o verbo contra a indústria e cita Taylor Swift, Beyoncé, Jay Z e Kanye West

Lauren Jauregui critica VMA por falta de indicações para Halsey