Divulgação/Logo Instituto
Vale lança Instituto Cultural Vale e abre edital de patrocínios A chamada busca projetos que valorizam os patrimônios e identidades brasileiras, ao mesmo tempo em que contribuam para o desenvolvimento socioeconômico nos locais onde serão realizados
in

Vale cria Instituto e abre edital de R$ 20 milhões para a Cultura

Divulgação/Logo Instituto

A mineradora Vale anunciou nesta terça-feira (22) o lançamento do Instituto Cultural Vale juntamente com a criação da “Chamada Vale de Patrocínios Culturais”, um edital que destinará R$ 20 milhões à Cultura, aberto até o dia 14 de outubro. Serão aceitos projetos de proponentes de todo o Brasil, clique aqui para se inscrever.

A Chamada Vale de Patrocínios Culturais tem o objetivo de fomentar a realização de projetos culturais que valorizem os nossos patrimônios e identidades. Realizada com recursos da Lei Federal de Incentivo à Cultura, artigo 18, a seleção e o aporte da verba da primeira edição da Chamada serão realizados em 2020. Os projetos deverão ser executados ao longo de 2021.

Em comunicado, a empresa enfatizou que o propósito é “democratizar o acesso e fomentar a arte, a cultura e o desenvolvimento das expressões artísticas regionais”.  Segundo Luiz Eduardo Osorio, diretor-executivo da Vale e presidente dos Conselhos Estratégico e de Curadores do Instituto Cultural Vale e da Fundação Vale, com a iniciativa, “a companhia consolida sua trajetória como uma das principais incentivadoras da cultura no país e avança no propósito de fomentar as múltiplas manifestações e expressões culturais brasileiras, em toda a sua diversidade e potencial”.

O executivo complementou: “A Chamada Vale de Patrocínios Culturais, com lançamento simultâneo ao do instituto, tem enorme potencial para estimular a produção artística e impulsionar a indústria criativa em todo o Brasil, especialmente nas áreas tradicionalmente menos privilegiadas pelos investimentos em cultura”. 

No site também estão disponíveis o regulamento e o manual do proponente. A seleção destinará um total de R$ 20 milhões em recursos incentivados pela Lei Federal de Incentivo à Cultura a projetos culturais em quatro faixas de valor: até R$ 250 mil, até R$ 500 mil, até R$ 1 milhão e até R$ 2 milhões.

A divulgação preliminar dos resultados será feita no dia 25 de outubro, e a final, no dia 1º de dezembro, no site do Instituto Cultural Vale.

O Instituto Cultural Vale terá um painel de especialistas, formado com o intuito de apoiar a diretoria e o conselho da instituição.  Entre os nomes já confirmados, estão acadêmicos e representantes do meio cultural, como a escritora Heloísa Buarque de Hollanda e a fundadora da Redes da Maré, Eliana Sousa Silva.

 

 

O Instituto Cultural Vale reúne quatro museus e centros culturais nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Maranhão e ParáMemorial Minas Gerais Vale (MG)Museu Vale (ES)Centro Cultural Vale Maranhão (MA) e Casa da Cultura de Canaã dos Carajás (PA). São espaços abertos ao público, com visitação gratuita, atuação junto a escolas e organizações sociais, identidade e vocação próprias, construídos para e com as comunidades dos territórios dos quais são parte. Porém, fechados desde março em função da Covid-19.

As exposições, oficinas, cursos, shows, editais e outras programações neles criadas geram novos saberes, inspiram e promovem a co-criação de manifestações artístico-culturais, com os diversos públicos que as experienciam.

Como parte das ações autorais que realiza, o Instituto Cultural Vale desenvolve também o programa de formação musical Vale Música, que celebra a música e os muitos encontros e aprendizados que ela proporciona.

Estudantes e professores dos estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Pará, reunidos em pólos de formação, participam, pelo programa, de formações, intercâmbios, residências artísticas e master classes com músicos profissionais de orquestras brasileiras. Os resultados dos múltiplos aprendizados e criações musicais são compartilhados em apresentações públicas, presenciais e online, que celebram a diversidade da música brasileira e mundial.

Ao todo, a rede envolve mais de 240 profissionais e mais de 1.000 estudantes. São parceiras do Programa Vale Música a Orquestra Sinfônica Brasileira, a Orquestra Ouro Preto e a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, patrocinadas pela mineradora por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Escrito por Redação POPLine

Ava Max no Amazon Music Live

Ava Max canta músicas do “Heaven & Hell” em novas performances nos Estados Unidos

Emicida e Ivete Sangalo unem forças na inédita “Trevo, Figuinha e Suor na Camisa”