Foto: Reprodução de internet
in ,

Trump vira piada na TV americana por declarações contraditórias sobre Lady Gaga

Em 2010, o candidato republicano foi ao show da cantora e twittou: “Fantástica”

O presidente Donald Trump criticou várias estrelas da música em seu comício na Pensilvânia. Em especial Lady Gaga, que demonstrou seu apoio a Joe Biden. “Agora ele tem Lady Gaga. Eu poderia contar muitas histórias sobre Lady Gaga”, ameaçou o candidato republicano.

Foto: Reprodução/Twitter

Entretanto, Trump virou piada na TV americana após o programa “The Late Late Show”, comandado por James Corden, mostrando declarações contraditórias do atual presidente.

Se hoje Trump fala bobagens sobre Lady Gaga, há dez anos era bem diferente: o próprio twittou ter ido ao show da cantora e a descreveu como “fantástica”.

Veja o trecho do programa:

Lady Gaga participa de comício a favor de Joe Biden

Lady Gaga participou de um comício na Pennsylvania em prol de Joe Biden, candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos. No estado natal do ex-noivo, Taylor Kinney, antes de cantar “You & I”, ela lembrou de seu relacionamento de 5 anos com o ator, que conheceu na gravação do clipe desta canção.

Lady Gaga e o candidato democrata Joe Biden (Foto: Kevin Lamarque/Reuters)

“Vocês sabiam que eu morei em Lancaster, Pennsylvania? Tem alguém aqui que é de Lancaster?”, anunciou a cantora. “Bem, eu fui noiva de um homem que era de Lancaster. Eu sei, eu sei. Não deu certo. Eu o amava muito, mas apenas não deu certo”, disse a cantora.

Como a Pennsylvania também é o estado de nascimento de Joe Biden, Gaga emendou: “Eu ainda amo meu cara da Pennsylvania. Eu amo Joe! Então Joe é o meu novo cara da Pennsylvania.”

Após cantar “You & I”, ela pediu desculpas para o seu atual namorado, Michael Polansky, que estava no evento.

Escrito por Daiv Santos

Spartakus Santiago apresenta Pop Stories nesta semana

Luísa Sonza negocia feats internacionais para álbum novo