The Weeknd tem 3ª música mais ouvida da história do Spotify
(Foto: Reprodução / Instagram @theweeknd)
in ,

The Weeknd tem a música solo com maior tempo na Hot 100 da Billboard

“Blinding Lights” permanece há 79 semanas no ranking

The Weeknd pode até ter deixado para traz o terninho vermelho da era “After Hours”, mas o fãs e os recordes continuam apegados ao momento. É que “Blinding Lights” se tornou, nesta segunda-feira (14), a faixa de um artista solo a permanecer por maior tempo na história da Billboard Hot 100, com 79 semanas, ultrapassando o recordista anterior, “I’m Yours”, de Jason Mraz.

Ainda não se sabe se o mega sucesso de Abel vai superar a marca de “Radioactive”, do Imagine Dragons, que atualmente detém o recorde geral e de uma faixa de grupo, com nada menos que 87 semanas na parada de singles. A segunda posição pertencia a Awolnation, com a música “Sail”. Que, agora, está nas mãos de The Weeknd.

Billboard: "Blinding Lights" completa 1 ano inteiro no Top 10
(Foto: DIvulgação)

Com “Blinding Lights”, o canadense tem também os recordes de música com mais semanas no Top 5 da Billboard Hot 100, 43 no total, e mais semanas no Top 10 da mesma parada, com 57 semanas no total. O artista pode até ter sido  esnobado pelo Grammy 2021 com o álbum “After Hours” e o mega sucesso de sua faixa, mas o cantor canadense segue escrevendo seu nome na história.

E fica evidente que o lugar de The Weeknd é mesmo no topo das paradas da Billboard. É que no dia 3 de maio, o cantor assumiu novamente o #1 do Hot 100, mas com a faixa “Save Your Tears”, em parceria com Ariana Grande. Só nesta semana, a faixa permaneceu entre o Top 10 da Hot 100, ocupando a sexta posição da parada musical mais disputada da indústria.

Billboard: "Blinding Lights" completa 1 ano inteiro no Top 10
(Foto: DIvulgação)

Este número um é creditado a ambos os artistas, tornando-se o sexto para cada um. O remix ao lado de Ariana deu à música um grande salto em streaming e vendas, empurrando-a do #6 até o topo em uma semana. A música torna ainda Abel o primeiro artista a ganhar três #1 de um só álbum lançado nesta década, depois de “Heartless” e o recordes “Blinding Lights”. O último artista a realizar o feito foi Drake em 2018, com “Scorpion”.

Escrito por Leonardo Rocha

Vitão fará sete shows nos Estados Unidos

Vitão fará sete shows nos Estados Unidos

Vídeo: Olivia Rodrigo mostra bastidores da produção de “Sour”