in

“The Voice EUA” anuncia novas mudanças para a terceira temporada

Logo após o fim da segunda temporada, realizada no 1º semestre deste ano, os produtores do “The Voice EUA” anunciaram as primeiras mudanças para a terceira edição: o aumento do número de episódios da fase de audições e do número de candidatos por time, que sobe para 16.

Neste domingo (12), uma coletiva de imprensa revelou as novas alterações no formato do programa. A partir desta temporada, o candidato descartado na fase dos shows ao vivo poderá voltar à competição através do voto de um outro mentor, que o adicionará ao seu time. O elemento foi batizado de “The Steal” (‘O roubo’, em português). A ideia é tentar evitar que fortes concorrentes abandonem a competição cedo demais.

Os produtores também falaram sobre a possível renovação dos contratos de Adam Levine, Blake Shelton, Cee Lo Green e Christina Aguilera. “A cadeira é de vocês para sempre”, disse Mark Burnett reforçando que se qualquer mentor tiver que sair em turnê, por exemplo, poderá indicar outro artista para substituí-lo. Apesar da promessa, é pouco provável que os quatro mentores retornem para a próxima temporada do programa em 2013, segundo a Billboard.

“Este é um pesadelo para os produtores, mas eles tem turnês e uma obrigação com seus fãs”, comentou Burnett sobre a possível saída do time de jurados.

A terceira edição do “The Voice EUA” começará no dia 10 de setembro.

Escrito por Amanda Faia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja fotos de Christina Aguilera em evento promocional do “The Voice EUA”

Coletânea das Spice Girls entra para o TOP 10 do iTunes UK após apresentação no encerramento das Olimpíadas