(Foto: Divulgação/Globo)
in ,

Saiba o que esperar da final do “The Voice Brasil” nesta quinta

O campeão da 10ª temporada será revelado nesta noite

A 10ª temporada do “The Voice Brasil” passou voando na noite desta quinta-feira (23) mais um ciclo se encerra para os cinco talentos que venceram todas as etapas até aqui: Bruno Fernandez, Giuliano Eriston, Gustavo Boná, Gustavo Matias e Hugo Rafael! A final vai ao ar na TV Globo após a novela “Um Lugar ao Sol” e promete bastante. Confira tudo que vai rolar!

Leia mais:

Para celebrar o momento, além da apresentação dos pupilos, os técnicos Carlinhos Brown, Claudia Leitte, IZA, Lulu Santos e Michel Teló também farão outros cinco números musicais inéditos no programa. A atração ainda reserva espaço para revisitar momentos marcantes de suas dez temporadas por meio de vídeos especiais comemorativos!

Os finalistas

O representante do time de Claudia Leitte, Bruno Fernandez, chamou a atenção de todos por sua voz marcante e pela história de superação na música: antes de entrar no programa, durante a pandemia, ele conseguiu sustento cantando nos transportes públicos do Rio de Janeiro. Para honrar a trajetória que percorreu até esta fase do “The Voice”, ele pretende mostrar sua essência na grande decisão.

“Estou muito feliz e com um sentimento de gratidão muito grande por ter chegado até aqui. Agora, quero mostrar minha verdade nesta final, entregar meu máximo, para que as pessoas se surpreendam”, diz. “Eu sirvo emoção”, define o participante.

(Foto: Victor Pollak/Gshow)

Também empenhado em entregar seu melhor nesta última performance, Giuliano Eriston, do Time Teló, lembra com carinho dos altos e baixos na competição. Depois de ser eliminado no Time Lulu, ele teve uma segunda chance ao ser resgatado para o jogo pelo quinto técnico Michel Teló.

“De certa forma, chegar aqui foi inesperado para mim. Achava que não me encaixava no perfil de vozes do programa porque, antes do ‘The Voice Brasil’, minha carreira era muito mais de instrumentista que de cantor. Foi uma surpresa a cada etapa, tanto pela aceitação dos técnicos quanto do público”, revela o candidato, que detalha o que está por trás de sua evolução na competição:

“Tenho feito um trabalho com uma preparadora corporal que tem me ajudado muito, estou mais solto no palco”. Na final, ele vai manter a decisão pelos clássicos regionais. “Meu repertório está baseado nos gigantes da MPB”, aponta.

(Foto: Victor Pollak/Gshow)

Gustavo Boná, do Time Lulu, recebeu muitos elogios pela segurança que demonstrou em suas apresentações. Ele revela o segredo e conta que vai aplicá-lo também nesta quinta:

“Eu tento tornar o momento da apresentação o mais leve possível. Na hora, penso somente em conseguir passar ao público a mensagem da música e a minha forma de enxergá-la, além de me divertir”. O cantor já se vê como um vencedor, antes mesmo da decisão. “Além de todo aprendizado, também vou levar do programa grandes amizades que fiz com outros candidatos. Para mim, já sou um vencedor só por ser o representante do meu time nesta final”, explica.

(Foto: Victor Pollak/Gshow)

Gustavo Matias, finalista do time de Carlinhos Brown, mantém uma estratégia ousada na competição desde sua audição às cegas: escolher canções líricas para cantar no palco do ‘The Voice Brasil’. Ele tem seu repertório como um grande trunfo e vai usá-lo na final.

“Vou apostar muito no diferencial do estilo que eu canto. Ele faz parte de quem eu sou. Espero que todos gostem”, detalha. Mesmo depois de ter passado pelo voto popular trazendo um estilo diferente do que o grande público está habituado a ouvir, ele ainda custa a acreditar que conseguiu chegar tão longe no reality. “Acho que a ficha de que estou na final ainda não caiu”, confessa.

(Foto: Victor Pollak/Gshow)

Do Time IZA, Hugo Rafael traz na bagagem sua vasta experiência de carreira musical, que já foi destacada pelos técnicos como um ponto a seu favor no palco. Ele planeja usar a emoção das músicas que marcaram época para retribuir o carinho que vem recebendo do público ao longo da temporada.

“Eu estou muito feliz por estar recebendo de tantas pessoas um reconhecimento tão grande e tão feliz pelo meu trabalho. Me identifico com os grandes clássicos da música. Na final, pretendo seguir buscando esse meu lado, que vem do coração. A emoção também é importante para as pessoas. O ‘The Voice Brasil’ é mais uma experiência que vou levar para o resto da minha vida”, afirma.

(Foto: Victor Pollak/Gshow)

E aí, para quem está sua torcida? Vote!

*Lembrando que essa é uma votação parcial e não interfere diretamente no reality show.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

Flávio Saturnino, CEO POPline está na lista dos 50 LGBTs mais influentes do Brasil 2021

Flávio Saturnino, CEO POPline, está na lista dos 50 LGBTs mais influentes do Brasil 2021

Joshua Bassett quase não sobreviveu a internação por insuficiência cardíaca