in ,

Rihanna, Ariana Grande, Justin Bieber e mais artistas assinam carta pela reforma da polícia em Nova York

Rihanna é uma das estrelas que pede por reformas na polícia (Foto: Divulgação)

Alguns dos maiores nomes da indústria da música se uniram ao chamado pela reforma da polícia, em Nova York.

Rihanna, Ariana Grande, Billie Eilish, Justin Bieber e outras celebridades assinaram uma carta aberta pedindo mudanças na lei em relação à conduta policial no estado. A informação é da CNN.

Entre as reivindicações, está, por exemplo, a revogação de uma lei que mantém em sigilo algumas informações dos arquivos da polícia.

“Lamentamos o assassinato de George Floyd e a perda desnecessária de tantas vidas negras antes dele. Devemos responsabilizar aqueles que violam o juramento de proteger e servir, e encontrar justiça para aqueles que são vítimas de sua violência”, diz um trecho do documento.

A carta é dirigida ao governador de Nova York, Andrew Cuomo, e outras autoridades locais. Nela, os artistas dizem que a revogação da lei  sobre o sigilo de documentos policiais é um passo indispensável para diminuição de casos de racismo. Na visão deles, a medida só contribui para um histórico de má conduta policial.

“Um passo indispensável é ter acesso a registros disciplinares dos policiais. O estatuto de Nova York 50-A bloqueia essa transparência total, protegendo o histórico de má conduta policial do escrutínio público, dificultando a busca de justiça e a realização de reformas. Deve ser revogado imediatamente”.

A carta continua afirmando que “não basta cortar a 50-A; essa pedra no caminho deve ser esmagada completamente”.

Nesta terça-feira (09), o governador de Nova York, Andrew Cuomo, disse que o Legislativo está pronto para tomar medidas em um pacote de reforma policial que inclui, entre outras medidas, a revogação da lei 50-a.

Para ele, é necessário haver uma discussão sobre como “reinventar e reimaginar o policiamento para uma nova geração e uma nova sociedade”.

Manifestações contra o racismo

Protestos antirracistas estão ocorrendo em várias cidades do mundo (Foto: Reprodução)

Manifestações contra o racismo ganharam as redes sociais e as ruas de várias partes do mundo após a morte de George Floyd.

Floyd era um cidadão americano negro que foi morto afixiado por um policial branco, no dia 25 de maio, em Minneapolis, nos Estados Unidos.

Desde que o fato ocorreu, diversas pessoas foram às ruas, primeiro, da Minneapolis, para pedir por justiça. Poucos dias depois, os protestos chegaram a mais de 140 cidades nos EUA, além de outras partes do mundo.

Nas redes sociais e nas ruas, vários artistas se posicionaram sobre o tema. Madonna, Camila CabelloShawn MendesLady GagaHarry StylesKaty Perry e Taylor Swift estão entre as celebridades que também falaram abertamente sobre o tema.

Escrito por Victor Arris

Pabllo Vittar vai cantar em festival online da Billboard

Anitta revela como será a live hoje à noite: “no quintal, com novas ideias”