in

Revista Paper faz matéria apresentando Anitta para seus leitores: “é como Beyoncé com um gostinho brasileiro”

Com um pouco mais de segurança dentro do mercado hispanófono, especialmente na América Latina, fortificado com a sua entrada para o “La Voz… México”, Anitta agora se volta para o mercado anglófono. Prometendo se dedicar mais às músicas em inglês, a cantora carioca ganhou uma matéria de destaque no site da revista Paper, apresentando sua história de vida e carreira para os leitores.

E nessa apresentação, entre as histórias de fã de Mariah Carey e os primeiros passos de sua carreira, a revista Paper faz uma explicação do que Anitta e sua música pode ser considerada. “É como Beyoncé com um gostinho brasileiro.”

Eles destacam que a carreira de Anitta é a encarnação do que é o Top 40 do Spotify Global: uma sonoridade que mistura o funk carioca com reggaetón, dance-pop, dubstep e R&B e um show com muita jogada de cabelo, bunda balançando, palco cheio de dançarinos e efeitos de luz. Tudo isso faz dela, para a Paper, a “epítome de uma superestrela global moderna.”

Na entrevista para a Paper, Anitta ainda reconhece o quanto sua carreira cresceu no Brasil. “Eu pensei que eu iria conseguir isso, eu não sei, dez anos depois que comecei. Mas não, foram tipo quatro anos. Eu alcancei todas as metas que eu poderia ter no Brasil.”

Escrito por Kavad Medeiros

União de monstros do streaming? Ed Sheeran quer colaboração com Drake

Dublando clássico da banda Queen, Camila Cabello se diverte e come muito chocolate em vídeo publicitário