Exclusivo: BLACKPINK elogia cultura do Brasil e revela o que conhece
(Foto: Divulgação)
in ,

Rapper canta sobre “masturbação vendo BLACKPINK” e irrita fãs

Blinks vem criticando e pedindo que Namewee se desculpe há dias.

Não dá para mexer com o BLACKPINK! Os fãs são muito protetores, e o rapper Namewee, da Malásia, aparentemente não estava a par disso. Ele vem recebendo muitas críticas dos blinks depois que sexualizou o girlgroup de K-Pop em uma música nova, chamada “You Know Who Is My Father?”.

A letra do rap fala o seguinte (em mandarim): “sempre olho o BLACKPINK e me masturbo”. Sexual demais para a cultura da Coreia do Sul. Os fãs do grupo se revoltaram e fizeram denúncias massivas no clipe da música no YouTube. Eles também reportaram o conteúdo para a YG Entertainment, agência do BLACKPINK, pedindo providências.

Confira:

Enquanto isso, o clipe de Namewee segue ganhando mais atenção e aumentando seu número de visualizações. No momento do fechamento desta matéria, já são quatro milhões de acessos – acima da média do que o rapper costuma alcançar.

Namewee piora polêmica ao responder os fãs do BLACKPINK

Para piorar a situação, Namewee viu a repercussão negativa entre os blinks e decidiu responder. Ele debochou do alvoroço – irritando mais o fandom – com um comentário no próprio vídeo: “oi, fãs do BLACKPINK. Obrigado por me darem audiência. Por favor, continuem! How you like that that that that…”.

Rapper lança música sobre "se masturbar vendo BLACKPINK" e irrita fãs
(Foto: Divulgação)

Além disso, ele também debochou das reclamações no Facebook. “Já fazia tempo que eu não era atacado por tantas pessoas por causa de uma música que escrevi. Meus oponentes desta vez são os fãs do BLACKPINK. Quero dizer obrigado pelos acessos”, escreveu.

“Tenho sido atacado por fãs do BLACKPINK nos últimos dois dias, e não há sinais de que vão parar. Até a agência delas veio e encorajou os fãs a fazerem isso…”, completou.

Depois, Namewee reclamou que “é muito ruim que as pessoas sequer entendam do que a música está tratando”. “É compreensível, porque eles ficam tão empolgados quando ouvem K-Pop sem entender nada de coreano. É como eu fico empolgado quando assisto filmes pornôs japoneses sem entender japonês”, disparou.

Escrito por Leonardo Torres

Luísa Sonza adia álbum novo por causa de ciberbullying

BBB 21

Juliette comemora 1 mês desde vitória do BBB21