banner com link para rádio globo
Foto: Marco Ovando/Divulgação
in

“Qualidade nunca sai de moda”, revela o francês Michael Malih produtor de Madonna e Anitta

O produtor está focado em um novo projeto solo e revelou, em entrevista ao POPline.Biz é Mundo da Música, que o Brasil está em foco.

Ele traz uma bagagem gigantesca de grandes nomes mundiais em seu currículo. Entre eles, Madonna, no álbum “MDNA”, e Anitta, em “Mon Soleil”, um feat com o artista francês Dadju que já possui mais de 57 milhões de visualizações no clipe no YouTube. O produtor, compositor e DJ francês Michael Malih está focado em um novo projeto solo e revelou, em entrevista ao POPline.Biz é Mundo da Música, que o Brasil está em foco.

O amor pelo Brasil é antigo e começou quando Malih ainda era criança, através do futebol e da música. “Eu vivia em Paris na época e o Paris Saint Germain tinha muitos jogadores brasileiros. Além disso, a seleção brasileira de futebol era fenomenal nos anos 90. Os franceses amam a música brasileira: Gilberto Gil, Caetano Veloso e Chico Buarque, por exemplo, são artistas famosos na França”, revelou.

O músico conta que se interessou em aprender mais sobre a cultura, artes, arquitetura, gastronomia e história do Brasil. “Sinto que, definitivamente, existe uma conexão entre a França e o Brasil. Eu adoraria trabalhar com mais artistas brasileiros, de todas as gerações”, destaca o produtor que não nega elogios a Anitta, artista com qual trabalhou este ano: “Ela é uma lenda. Eu raramente vi alguém trabalhando tão duro quanto ela”.

Uma outra colaboração de destaque do Michael Malih foi com o DJ Black Coffee, da África do Sul, no álbum “Subconsciously”. A produção foi indicado para Melhor Álbum de Música Eletrónica/Dance no Grammy Awards.

Foco no Brasil

O francês realizará shows no Brasil pela primeira vez. Michael se apresentará em Fernando de Noronha no réveillon da badalada pousada Zé Maria, do ator Bruno Gagliasso. “Os brasileiros são absolutamente únicos e, de longe, as melhores pessoas para se divertir. A conexão entre um músico e seu público é toda baseada no amor, então vou me certificar de manter a energia alta e compartilhar todo esse amor que recebo”, promete Michael.

O europeu também celebra a preparação de seu primeiro projeto solo, ainda em fase de produção, no qual ele promete a participação de nomes brasileiros de peso. Questionado sobre o formato dessa nova produção, Michael revela que vai ser, definitivamente, um “álbum de produtor”, mas terá pelo menos uma faixa na qual aparecerá cantando.

“Estou trazendo vários gêneros musicais diferentes para esse trabalho, mas mesmo assim com um som global e coeso. O disco completo deve estar na rua entre 2022 e 2023, mas o primeiro single deve ser lançado no começo de 2022. Terá alguns artistas maravilhosos envolvidos, mas nada que eu já possa revelar”, revela.

Leia mais:

Mudanças produção musical mundial

Questionado sobre as mudanças da produção musical e como ele, com olhar atento para as transformações mundiais, acredita que serão as novas tendências da criação, Michael revela que não acredita muito em tendências, “acredito em qualidade – e qualidade nunca sai de moda”.

“O fato de hoje em dia as músicas serem, em geral, mais curtas é devido às plataformas de streaming, que estudaram a forma com que o público consome música: precisa ser rápido e fácil. Ao mesmo tempo, o mundo agora tem acesso a uma quantidade ilimitada de música, como nunca antes”, destaca.

E completa: “Falando de música e produção, vivemos num loop eterno, no qual tendências antigas retornam atualizadas por novas gerações. Hoje em dia, qualquer pessoa com um computador consegue compor e produzir música. É por isso que a quantidade de lançamentos musicais atualmente é insana”.

Por fim, Michael destaca dicas que para os novos produtores que desejam ter uma identidade e diferencial no mercado:

  1. Seja criativo, original e único
  2. Aprenda coisas novas e pratique diariamente
  3. Não fique em sua zona de conforto, explore novas culturas e referências musicais
  4. Não tenha medos
  5. Não desista

Escrito por Rafa Ventura

Zé Felipe é diagnosticado com pneumonia viral: “Agora é cuidar”

BTS: Solo de Jungkook “Euphoria” conquista mais um recorde