in ,

Adeus! “Polly Pocket”, filme com Lily Collins, fica sem diretora

Após escrever roteiro, Lena Dunham desiste de dirigir “Polly Pocket” e explica o porquê.

(Foto: Divulgação / Netflix)

Mudanças no live-action da “Polly Pocket”. O filme, que será estrelado por Lily Collins (de “Emily in Paris”), não tem mais diretora. A cineasta Lena Dunham (de “Girls”) revelou que se desligou do projeto, após escrever o roteiro e enfrentar divergências criativas com a Mattel Films.

Adeus! "Polly Pocket", filme com Lily Collins, fica sem diretora
(Foto: Instagram @lenadunham)

Leia mais:

“Vou te contar algo que eu não contei para ninguém: eu não vou fazer o filme da Polly Pocket. Eu escrevi um roteiro e estava trabalhando nisso há três anos”, Lena falou ao The New Yorker, “acho que Greta [Gerwig] se saiu muito bem e encontrou uma combinação entre ela e Barbie, que era fazer essa coisa literalmente doce para tantos tipos diferentes de pessoas e era perfeita e divinamente Greta. E eu simplesmente… Eu senti que, a menos que eu possa fazer dessa maneira, não farei. Eu não acho que tenho isso em mim”.

Depois da Barbie, é a vez da Polly Pocket

O projeto de adaptar a boneca para um live-action foi anunciado em julho de 2023, na esteira do sucesso do filme “Barbie”, que alcançou a maior bilheteria do ano nos cinemas. O envolvimento se Lena Dunham com o filme foi bem visto pela maioria das pessoas. Seu trabalho na série “Girls” lhe rendeu oito indicações ao Emmy Awards.

Lily Colins protagonizará live-action "Polly Pocket"
Polly Pocket (Foto: Divulgação)

O produtor Robbie Brenner, da Mattel Films, chegou a dizer publicamente que o roteiro de Lena Dunham para “Polly Pocket” era ótimo. Não se sabe quais foram os atritos internos. “Primeiramente, elas [Lily e Lena] são duas das minhas garotas favoritas. Tem sido uma colaboração maravilhosa. Lena é muito colaborativa e arregaça as mangas. Ela é incrível”, Robbie declarou em 2023.