Perrengue: Ana Vilela passa som para show dentro do camarim
(Foto: Reprodução / YouTube)
in ,

Perrengue: Ana Vilela passa som para show dentro do camarim

Cantora relembrou história no “Perrengue POPline”.

A cantora Ana Vilela passou pelo POPline.Space, no Shopping Via Parque, no Rio de Janeiro, e gravou sua participação no quadro “Perrengue POPline”. Ela relembrou uma história inusitada dos bastidores de um show, no qual estava dando tudo errado.

“Foi uma bagunça. A gente tinha que descer em uma cidade, pegar uma van para ir para outra cidade para chegar nesse show. A gente chegou de manhã. Quando passou na frente do local, a gente viu que não tinham nem começado a montar o palco ainda e já estava quase na hora de passar o som”, lembra.

Veja o vídeo:

A história só piora. Sem poder acessar o palco, Ana Vilela teve que fazer a passagem de som no camarim – algo muito inusitado. “Eu pedi água e a produtora do show chegou para mim, desesperada, e falou: ‘Ana, então… Roubaram seu cooler e não tem como te dar bebida’. Mano, não tem como, impossível”, conta.

“Foi assim, com lâmpadas de gambiarra no camarim e sem cooler para beber água, que a gente entrou no palco. Acabou que deu tudo certo. Na hora que a gente entra no palco, tudo compensa. O show foi lindo, foi incrível”, diz.

Ana Vilela relembra álbuns do pop que inspiram sua carreira

Ana Vilela também mostrou suas influências no universo pop ao participar do quadro “Desafio POPline”, gravado também no POPline.Space. Logo de cara, a cantora escolheu o primeiro álbum do duo ANAVITORIA, que carrega o nome das meninas.

Perrengue: Ana Vilela passa som para show dentro do camarim
(Foto: Reprodução / Instagram @anavilela)

“Quando ‘Trem Bala’ aconteceu na minha vida, esse álbum tinha acaba de sair e eu ouvia muito nesse período da minha vida. Eu ouvia muito e me inspirei nelas, gostava de compor parecido e quando ‘Trem Bala’ aconteceu e a gente teve um contato. A Ana entrou em contato comigo e foi da hora conhecer as meninas. Elas trouxeram muita coisa nova”, relata a artista.

Atravessando fronteiras, a artista selecionou “Changes”, último trabalho de Justin Bieber. “É mais recente e foi um álbum que mudou meu jeito de ouvir música. Eu escutava muito nacional, MPB, muito pop daqui e saiu o álbum dele, com a estratégia da série, eu assisti e fiquei muito interessada. Ele tem muita referência de R&B, e passei a ouvir mais. Então, acho que amadureci muito musicalmente falando”, avalia Ana Vilela.

Escrito por Leonardo Torres

Douglas Souza vai sumir das redes sociais para se concentrar nas Olimpíadas