Marina Mattoso, Colunista POPline.Biz é Mundo da Música
Foto: Marina Mattoso/Arquivo Pessoal
in

Como investir em mídia no Facebook Ads? (Parte 2)

Na semana passada eu introduzi alguns pontos importantes antes de montar uma campanha de mídia. Se você não leu, dá um bizu: clique aqui.

Foto: Planejamento Anual Marketing Digital na Música/Marina Mattoso

Como vocês viram na planilha acima, em janeiro eu optei por não investir em mídia. Isso porque eu preciso deixar tudo nos trinques antes da galera toda chegar. Então, decidimos que em janeiro vamos deixar a “casa” (perfil) organizada para receber os novos visitantes futuros (público atingido pelos anúncios). Ou seja, R$0 investidos.

Fevereiro já é o mês que antecede o lançamento do single 1 do ano. Em fevereiro é importante que trabalhe mídia para:

  1. Fazer os testes A-B (posso falar mais de testes A-B numa outra coluna. Comentem no Popline.Biz é Mundo da Música que querem saber mais sobre isso e a gente faz);
  2. 2. Começar a impactar o público que não te conhece e que potencialmente vai se interessar pelo seu próximo lançamento;
  3. Coletar dados (visualizações/engajamento) que serão muito valiosos no momento do re-marketing;
  4. Iniciar o tráfego pro link do pre-save (leia aqui artigo sobre pre-save).

Fevereiro ainda não é um mês chave, não vou investir tanto nele. Vou reservar R$500. Também vou definir meu objetivo de campanha como ALCANCE, porque eu ainda não estarei buscando nem engajamento nem cliques no link. Aqui eu quero pagar o mais barato possível por usuário alcançado. Quero testar muitas pessoas com meu conteúdo. Por isso, o meu KPI vai ser alcance único.

[KPI – Key Performance Indicator: trata-se do dado que vai ser mais importante para você na sua ação. Se eu quero, por exemplo, que meu perfil do Instagram ganhe muitos seguidores, o meu KPI vai ser: seguidores no Instagram. Se eu quero que meu Spotify cresca muito de tamanho, meu KPI vai ser o de seguidores do Spotify. Se eu quero que muita gente ouça minha música na Deezer meu KPI vai ser de ouvintes mensais na Deezer]

“Mas Mari, e a campanha de pre-save?”

Como não temos muita verba anual, eu teria que decidir entre qual objetivo vou priorizar e, depois de estudar meu artista e a estratégia geral dele, optei por escolher o alcance. Por isso, é muito importante que você tenha uma noção macro de objetivos e valores de investimento total, caso contrário, corre o risco de você usar tudo o que você tem antes da hora e não ter para o momento chave do seu ano.

É importante entender também que conteúdo você vai trabalhar nestes anúncios. Um vídeo-release curto? Um trecho seu cantando num show? Um vídeo seu cantando em casa? Uma foto sua? Isso só o teste vai te dizer! E também, obviamente, o que você espera fazer na próxima etapa de campanha.

Dica: você pode ver que anúncios artistas similares a você estão rodando na biblioteca de anúncios do Facebook clicando aqui.

___________

Marina Mattoso atualmente CEO da Jangada Comunicação, agência focada em Planejamento Estratégico e Marketing de Conteúdo que tem “a bordo” artistas como: Gilberto Gil, Adriana Calcanhotto, Maria Rita, Claudia Leitte, Kell Smith, entre outros. Marina também é coordenada do curso Marketing Digital para Artistas, do Music Rio Academy.

Escrito por Redação POPLine

BBB 21: equipe de Rodolffo ameaça processar autores de posts chamando-o de homofóbico

BBB 21: equipe de Rodolffo ameaça processar autores de posts chamando-o de homofóbico

Clipe de Jão conta com parceiro de Ariana Grande e Justin Bieber

Clipe de Jão conta com parceiro de Ariana Grande e Justin Bieber