Foto: BTS Visits the SiriusXM Studios ( Cindy Ord/Getty Images for SiriusXM)/ Reprodução Instagram @blackpinkofficial
in ,

O pop nacional cada vez mais influenciado pela cultura K-Pop

Artistas como Pabllo Vittar, Tília, Melody e Francinne são exemplos desse intercâmbio

Old o poder do K-Pop no mercado internacional! Grupos como BTS e BLACKPINK ajudaram a popularizar o gênero fora da Coreia do Sul, abriram os olhos para os artistas do ocidente atrás de feats. lucrativos e se tornaram inspiração de produções por aqui. Quer ver?

Três lançamentos recentes beberam claramente da fonte do K-Pop, principalmente de grupos femininos. A faixa “Nocaute”, de Tilia em parceria com Melody, por exemplo, mirou direto no BLACKPINK.

fala tilia

Foto: Divulgação

Francinne é outra fã do gênero. A cantora mergulhou de cabeça no K-Pop para a criação do EP “TAKEDOWN”, já cantou com Idol e assinou recentemente com empresários que investem no gênero. O objetivo é criar uma carreira internacional pra Francinne, mais especificamente lá na Coreia do Sul mesmo. Por aqui, a gente ouve o novo álbum da artista nesta sexta-feira (26/03) com características claras de K-Pop: coreografia e visuais marcantes.

Francinne anuncia EP "Takedown" e temos fotos e capa
(Foto: Felipe Garcia)

Não dá para fazer esse POPline News sem Pabllo Vittar. Não é de hoje que a drag se inspira na cultura coreana. Pabllo é fã desde pequena não só da música e em seus trabalhos deixa isso claro há muito tempo. De publicação em redes sociais, passando por mash-up em turnê a figurinos.

E a bagagem musical da gata é extensa.  O mais recente single, “Bandida”, ao lado de Pocah, é só última prova do que o k-pop representa pra Pabllo. 

BBB 21: Pabllo Vittar dá pista da entrada de Pocah
(Foto: Reprodução / YouTube)

O retorno disso é um consumo e divulgação orgânicos dentro das fanbases de K-Pop. Todo mundo ganha. A fama da fã Pabllo é tão grande que até o BLACKPINK gravou mensagem pra ela, algo quase que impensável em um grupo blindado.

Não estranhe se em alguns meses ouvirmos mais influência de K-Pop nas produções nacionais. A qualidade que os coreanos apresentam sonoramente e visualmente já quebrou as barreiras do “não entendimento” do gênero e veio para conquistar os quatro cantos do planeta.

Pabllo Vittar. Foto: Instagram

Escrito por Leonardo Rocha

Daniela Mercury apresenta texto ao STF pedindo providências contra pandemia

Carla Diaz é a sétima eliminada do “BBB 21”, com 44,96% dos votos