in ,

Novos vilões de “Elite” conheceram Guzmán e Lucrécia, diz ator

Nuno Gallego fala sobre pano de fundo de Héctor e Emilia Krawietz e sua conexão com personagens anteriores de “Elite”.

(Fotos: Netflix)

O ator Nuno Gallego, que interpreta o vilão Héctor Krawietz na última temporada de “Elite”, revelou mais informações sobre o pano de fundo de seu personagem. Héctor é um ex-aluno de Las Encinas e, segundo o ator, conheceu Guzmán (Miguel Bernardeau) e Lucrécia (Danna Paola).

Novos vilões de "Elite" conheceram Guzmán e Lucrécia, diz ator
(Foto: Elite)

“Eles [Héctor e a irmã Emilia] não são alunos novos. Não são estudantes. Com certeza [conheceram Gusmán e Lucrécia]. Conhecer, eles conheceram. Com certeza. Eles estavam em um segundo plano”, Nuno Gallego conta em entrevista ao Formula TV.

Leia mais:

Na história, Héctor e Emilia, personagem interpretada por Ane Rot, são líderes de uma associação de ex-alunos chamada Alumni. Os dois são poderosos e corruptos. Héctor, como o trailer já adiantou, se envolverá com Joel (Fernando Líndez), personagem que será morto nesta temporada.

“Héctor é um personagem bastante polêmico. Ele tem um lado charmoso e um lado sombrio. Junto com a irmã, eles formam uma dupla do diabo. Adorei interpretá-lo”, adianta o ator.

A nova – e última – temporada de “Elite” estreará em 26 de julho na Netflix.

Novos vilões de "Elite" conheceram Guzmán e Lucrécia, diz ator
(Foto: Netflix)

Confira a sinopse e o trailer da última temporada de “Elite”!

A chegada dos irmãos Emilia e Héctor Krawietz, líderes da associação de ex-alunos Las Encinas, abala os alicerces da escola. Influentes, poderosos e corruptos, os Krawietz causarão estragos por onde passarem e destruirão a vida daqueles que caírem em suas redes. Só Omar poderá enfrentá-los e estará disposto a fazer qualquer coisa para vê-los cair, porque, em última análise, representam o que sempre houve de errado em Las Encinas.