Fotos: Divulgação
in

Música em Rede lança plataforma de ensino sobre o mercado

A novidade foi revelada em primeira mão para o POPline.Biz é Mundo da Música

Combinando conhecimento e conexões, o Música em Rede acaba de lançar a “Plataforma Música em Rede”, um ecossistema do mercado da música que, a partir de uma assinatura anual, possibilitará profissionais da indústria e artistas terem acesso a cursos com experts do mercado da música, além de masterclass, treinamentos e ferramentas de trabalho, como modelos de planilhas de planejamento, metas, checklists e documentação.

Idealizado pelos produtores culturais e empresários Rodolfo Lacerda e Rico Manzano, além da capacitação, a Plataforma Música em Rede também visa a conexão entre agentes do mercado, com um rede social interna, facilitando a realização de novos negócios e a troca de informações, intitulada de “Network”.

“Historicamente sempre foi difícil o acesso às informações no mercado da música no Brasil, consequentemente, essa lacuna de conhecimento colaborou com a concentração de renda nesse setor, muitas vezes gerando uma falsa impressão de que era praticamente inviável “viver” de música no Brasil”, revelam os empresários.

“A falta de informação e a falta de contatos (networking) acabou se tornando uma fórmula mágica do fracasso no mundo musical, e muitos artistas tinham a visão de que apenas contando com a “sorte” seriam conhecidos e reconhecidos”, completam.

Para eles, os avanços tecnológicos dos últimos anos fez com que o mercado independente crescesse muito, porém, o empresário destaca que, “se de um lado o artista poderia ser mais dono de sua própria carreira e ser melhor remunerado por isso, de outro lado ficou evidente que o trabalho a ser desenvolvido era gigante (Produção Musical, Marketing, Redes Sociais, Distribuição, Direitos Autorais, Contabilidade, Gestão Estratégica e etc.)”.

Nesse contexto, é cada vez mais crucial o artista, produtor ou empresário se capacitar no mercado musical, para que consiga desenvolver e gerar mais oportunidades para seu projeto artístico. E é nesse contexto que a plataforma do Música em Rede nasceu: “dessa necessidade de diálogo e de suprir essa demanda pela informação no mercado da música, concentrando em um mesmo lugar diversos e variados conteúdos acerca do mercado, de forma acessível e simples”.

“Criamos uma plataforma que é tudo o que queríamos ter tido acesso há 10 anos, quando começamos. A gente lecionou diversos cursos sobre o mercado nos últimos meses, mas a plataforma vem para evoluir este trabalho fortalecendo o ecossistema da música de um jeito único e inovador”, afirma Rico Manzano.

Digital é sinônimo de Democratização?

Para os sócios, o fato de estarem desenvolvendo um ecossistema do mercado da música em um ambiente digital, faz com que as barreiras e limitações geográficas sejam quebradas. “Além disso, todos os membros da plataforma tem um interesse em comum: se desenvolver no mercado da música, logo, o ambiente se torna propício e assertivo para esse desenvolvimento”, revelam.

Portanto, o objetivo é que os membros da plataforma possam se atualizar constantemente sobre o negócios da música, sobre ferramentas, tecnologias, e claro, oferecer e buscar oportunidades de trabalho dentro da plataforma.

“A internet quebra esta barreira geográfica e permite uma troca muito mais abrangente. O Música em Rede nasceu com este DNA online e desde o início do projeto nós conversamos, entrevistamos e trouxemos para nossos cursos diversos agentes do mercado que não estão necessariamente em SP ou RJ”, explicam.

Eles acreditam que a Plataforma possibilitará uma conexão plural, com pessoas e vivências também plurais. “Alcançar aquele artista ou produtor cultural do interior do país com nossos conteúdos e receber mensagens destas pessoas – sobre como nosso conteúdo foi importante pra ela – é fundamental pra gente, não só como negócio, mas como missão mesmo. Quanto mais pessoas trabalhando no mercado da música em alto nível, maior as chances deste mercado se fortalecer. O ambiente digital e online é definitivamente um grande aliado neste sentido”, finalizam.

Interessou? Leitores do POPline.Biz é Mundo da Música tem desconto! Clica aqui e faça sua inscrição.

Escrito por Rafa Ventura

BBB 21: Juliette bate 21 milhões de seguidores; equipe faz comunicado

BBB 21: Juliette bate 21 milhões de seguidores; equipe faz comunicado

BBB 21: Pocah revela que foi agredida quando estava grávida