in ,

“Mulher Livre”: entenda a nova imagem que Anitta quer passar para o mundo

Qual diva pop teria coragem de cantar em rede nacional americana ou dar entrevista para o canal de uma conceituada revista de moda praticamente sem maquiagem, com roupas básicas e cabelo quase natural? Nas últimas semanas, estamos assistindo Anitta desconstruir os padrões de como uma artista pop pode aparecer e isso pode fazê-la conquistar o mundo.

“Mulher Livre”: entenda a nova imagem que Anitta quer passar para o mundo
(Fotos: Reprodução / YouTube)

Desde o início da pandemia, Anitta precisou trabalhar com limitações e fez até programa de TV com o apoio de pouquíssimos profissionais, para manter o distanciamento social. Ter suporte de stylist, maquiagem e cabelo não fazia mais parte da agenda da cantora. Seja em lives ou participações em programas de TV direto de casa, ela passou a aparecer mais natural (ainda) no Brasil. Com a viagem para Europa, no mês passado, ela não deixou de cumprir os compromissos de trabalho, ainda que tudo aparentasse ser férias para curtir o verão europeu.

Veja Anitta no “The Late Late Show With James Corden”:

Para o programa do James Corden nos Estados Unidos, Anitta enviou uma performance gravada em casa. O número para “Tócame” foi gravado antes da sua viagem internacional e provavelmente não era seu plano principal para a oportunidade. Engana-se quem pensa que o diferencial da performance foi a edição que multiplicava a cantora pelo cenário improvisado em sua mansão: seu espirito de “mulher livre” estava presente ali.

Com pouca produção visual na performance, ela também não poderia aparecer diferente para a entrevista no programa. Da Itália, mais precisamente da casa de Domenicio Dolce, ela conversou com James por mais de dois minutos no ar. Sim, ela estava direto da casa de um dos mais poderosos empresários de moda dando entrevista internacional com visual natural muito distante do convencional.

“Mulher Livre”: entenda a nova imagem que Anitta quer passar para o mundo
(Foto: Reprodução / Instagram @anitta)

Enquanto muitos fãs e a imprensa brasileira questionam o que está acontecendo, a resposta pode estar diante dos nos olhos. Anitta mudou sua bio no Instagram para “Mulher Livre” e é sobre essa liberdade e independência que ela pode usar como estratégia para conquistar o mundo. Deixou de ser algo pontual por conta da pandemia e a nova estética da artista impõe que ela definitivamente tem coragem e capacidade para se desconstruir e atrair olhares de um público que começa a entender as mudanças desse “novo mundo” que estamos descobrindo agora.

Alicia Keys adotou postura similar em 2016

“Mulher Livre”: entenda a nova imagem que Anitta quer passar para o mundo
(Foto: Reprodução / Fault Magazine)

É algo similar ao que Alicia Keys tem feito desde 2016. À época técnica do The Voice, ela impactou todo mundo ao decidir usar pouca maquiagem ou quase nenhuma em suas aparições. “Escrevi uma lista de coisas que eu estava cansada. E uma delas foi o quanto as mulheres sofrem lavagem cerebral para que que a gente tenha que ser magra, ou sensual, ou desejável, ou perfeita. Uma das muitas coisas que eu estava cansada era do constante julgamento das mulheres. O constante estereótipo que nos faz sentir que o tamanho normal, não é normal, e Deus nos livre se você for plus size”, disse Alicia em entrevista à Fault.

Anitta na Elle Magazine

Essa semana, Anitta fez em um vídeo para o canal da Elle, uma das mais conceituadas revistas de moda feminina do mundo. Falando em inglês, a brasileira brincou de acertar músicas a partir de uma palavra. O cenário simples é um convite para mega produção visual, mas seguindo a coerência, lá estava ela mais uma vez liberta dos padrões estéticos. O que ainda pode chocar muito os fãs brasileiros.

Em 2017, quando lançou “Vai Malandra”, Anitta causou com a exploração das suas celulites já no início do clipe. Em paralelo, procedimentos estéticos e cirurgias plásticas eram mostrado com frequências em sua rotina. Agora, em 2020, para os gringos que estão a descobrindo e entendendo sua mensagem, que está cada vez mais desconstruída e distante dos padrões convencionais de uma diva pop, essa pode ser a chave necessária para abrir mais portas e aumentar suas conquistas no exterior.

É esperado que o sucessor de “TÓCAME” seja lançado muito em breve e ela tem dado pistas de acontecimentos grandiosos estão a caminho. A Anitta, sexy do reggaeton de “Downtown” em 2017, abre espaço para a “Anitta Mulher Livre”, que o mundo precisa conhecer. Vamos acompanhar!

Escrito por Redação POPLine

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vendas de “Rain On Me” crescem 139% após performance no VMA

Katy Perry deve participar de nova temporada de programa da Bianca Andrade no YouTube

Katy Perry deve participar de nova temporada de programa da Bianca Andrade no YouTube