in

McFly se arrepende do single “Party Girl” e diz que soava como “uma versão ruim de uma música da Lady Gaga”

O McFly voltou a afirmar que o álbum “Above The Noise” foi o pior de sua carreira, ao ponto de ser difícil escolher qual seria o primeiro single. “Party Girl”, no caso, é um arrependimento. “Nenhum de nós queria lançar ‘Party Girl’. Nunca passou pela nossa cabeça que ela seria um single. Era como uma versão ruim de uma música da Lady Gaga. Olhando para trás, não era a gente”, contou o baterista Harry Judd ao Digital Spy.

Na época, a banda disse que queria alcançar as massas com músicas mais comerciais e, por isso, se desvencilhou de sua sonoridade original – que será retomada no CD de 2013. “Queríamos tentar algo realmente drástico e produzir um gênero completamente diferente de música. A Universal nos colocou com Dallas Austin e gravamos o disco inteiro com ele. Foi uma experiência ótima”, ameniza o guitarrista Tom Fletcher.

Apesar dos objetivos, o tiro saiu pela culatra. “Above The Noise” não vendeu como o esperado – chegou ao 20º da parada britânica – e decepcionou muitos fãs. Agora, o quarteto tenta consertar o estrago, com a coletânea “Memory Lane: The Best Of McFly”, lançada nesta semana, com os maiores hits da banda.

Escrito por Leonardo Torres

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carrie Underwood estrelará adaptação de “A Noviça Rebelde” para TV

Vídeo: Modelos da Victoria’s Secret gravam sua versão do clipe “Beauty and a Beat”, do Justin Bieber