Foto: Getty Images
in

Max Cavalera fala como aprendeu inglês mesmo tendo abandonado a escola

“Naquela época eu traduzia Motorhead, Black Sabbath, AC/DC….”, relembra o artista

Lenda do metal brasileiro, Max Cavalera revelou para a revista eletrônica Loudwire a maneira inusitada como aprendeu a falar inglês quando ainda era bem jovem. Além do português, seu idioma nativo, Max e seu irmão Iggor tinham proximidade com o italiano por causa da nacionalidade do pai, aprendendo principalmente palavrões – “vaffanculo”, que significa “foda-se” em italiano. Segundo ele, era uma palavra que sempre ouvia.

Foto: Divulgação

LEIA MAIS: 

E apesar do inglês ser obrigatório na escola, como Max abandonou os estudos aos 12 anos de idade, não foi ali que ele aprendeu de fato a falar o idioma, mas sim decifrando as letras de suas bandas favoritas.

“Sentia que na escola não iria conquistar grandes coisas, nela você pega seu diploma mas não consegue um emprego. Os álbuns foram meus verdadeiros professores de inglês”, disse Max. “Ainda tenho aquele dicionário, minha mãe guardou. Foi dele que tirei o nome Sepultura, que traduzi de ‘Dancing On Your Grave’ do Motorhead, (música) do (álbum) ‘Another Perfect Day'”.

“Naquela época eu traduzia Motorhead, Black Sabbath, AC/DC, Iron Maiden, Judas Priest, Ramones, um pouco de Sex Pistols. Era muito divertido – horas traduzindo palavra por palavra com o dicionário e formando as frases”, prossegue Max.

Em seguida, ele fez uma curiosa revelação:

“Um disco que eu traduzi que foi muito influente foi o ‘War’ do U2. Eu adoro as letras de Bono – ele é um grande letrista, especialmente naquela antiga fase do U2, (dos álbuns) ‘October’, ‘War’ e ‘Joshua Tree’. ‘War’ era um disco anti-guerra, e eu absorvi aquilo em algumas das letras de ‘Beneath the Remains’. Coisas como ‘who has won / who has died / beneath the remains’ vinham diretamente do ‘War’. A famosa frase do “New Year’s Day” do U2 era ‘Under a blood red sky’ (“Sob um céu vermelho de sangue”) e eu mandei ‘Under a pale grey sky we shall arise’ (“Sob um céu cinza pálido nós despontaremos”). Eu adoro pegar emprestado coisas de outros artistas, as pessoas emprestam minhas coisas o tempo todo”, finalizou.

Confira o papo completo de Max Cavalera sobre suas aventuras com o inglês aqui.

Escrito por Magda Pinheiro

Camila Cabello faz performance intensa de "Boys Don't Cry"

Camila Cabello faz performance intensa de “Boys Don’t Cry”

Tom Cruise recebe Príncipe William e Kate Middleton em tapete vermelho de "Top Gun 2"

Tom Cruise recebe Príncipe William e Kate Middleton em tapete vermelho de “Top Gun 2”