Foto: Keystone
in ,

Marvel e Star Wars estão “arruinando” o cinema, afirma Roland Emmerich

Diretor de “Moonfall – Ameaça Lunar” desabafou sobre atual cenário da indústria cinematográfica.

Prestes a estrear “Moonfall – Ameaça Lunar“, sua mais nova produção, nas telonas ao redor do mundo, o diretor Roland Emmerich deu uma declaração polêmica sobre o atual cenário da indústria cinematográfica. Segundo o diretor alemão, Marvel, DC e Star Wars estão “arruinando” o cinema.

Leia mais:

Em entrevista para o site Den of Geek, o cineasta desabafou sobre o quão difícil é lançar um filme original – que não seja baseado em quadrinhos ou personagens criados há algumas décadas – hoje em dia, não importa qual época do ano.

A Marvel e a DC Comics, e Star Wars, praticamente assumiram o controle. Está arruinando um pouco nossa indústria, porque ninguém mais faz nada original“, declarou Roland Emmerich.

Foto: reprodução

Roland, que já afirmou ver filmes da Marvel para pegar no sono em aviões, explicou que seu ceticismo sobre filmes de super-heróis decorre do fato de ter crescido na Alemanha muitos anos antes do conceito de tais personagens ter sido transferido em definitivo para esse mercado.

Havia [os quadrinhos de As Aventuras de Tintim], mas eles eram muito infantis e não havia super-heróis. Então é por isso que, no início, os super-heróis não funcionavam na Alemanha. Eles precisavam de 10 ou 15 anos [de filmes] para chegar ao mesmo nível do resto do mundo…. Mas eu nunca encontrei nenhum interesse nesse tipo de filme“, pontuou.

Nem tudo são críticas

Ainda durante a entrevista, o diretor de “Independence Day” (1996), “O Dia Depois de Amanhã” (2004) e “2012” (2009) elogiou o britânico Christopher Nolan (responsável pela trilogia “O Cavaleiro das Trevas“, “A Origem“, “Interestelar“, “Dunkirk“, entre outros filmes).

Você deveria fazer novos filmes ousados, sabe? E eu acho que, na verdade, Christopher Nolan é o mestre nisso. Ele é alguém que pode fazer filmes sobre o que quiser. Eu tenho um pouco mais de dificuldade, mas ainda tenho um nome grande o suficiente – especialmente quando é um desastre [filme] ou tem algum tipo de tema de desastre“, concluiu Roland Emmerich.

Foto: reprodução

Escrito por Giovanni Oliveira

Mais um! Depois de Eli e Lina, Maria dá selinho em Bárbara no BBB22

BBB22: Web comemora aproximação de Paulo André e Jade em festa