(Foto: Reprodução / Instagram)
in ,

Marcelo Adnet critica aglomeração de Flay, MC Mirella, Hariany e Paula Sperling

Ingrid Guimarães, Armando Babaioff e Maria Bopp também criticaram.

O ator Marcelo Adnet usou o Twitter neste domingo (18/4) para criticar o comportamento de influenciadores que continuam aglomerando “para fazer dancinhas e e coreografias” em meio à pandemia do coronavírus. Para exemplificar, ele usou um vídeo da ex-BBB Hariany Almeida, acompanhada de nomes como Flay, Lais Bianchessi, Munik Nunes, Paula Sperling e MC Mirella.

“Chocante entrar no Instagram e perceber que influencers seguem aglomerando para fazer dancinhas e coreografias em meio a propagandas de shakes e chás emagrecedores. Lipo, rino, harmonização, bichecto. Um show de horrores. Talvez eu esteja apenas velho”, escreveu o ator da TV Globo.

Veja:

A atriz Ingrid Guimarães viu o post e também twittou: “inacreditável. Deprimente”. A atriz Maria Bopp foi incisiva: “gente ruim”. O ator Armando Babaioff também escreveu: “o mundo que está de pernas pro ar, mas com os dentes cada vez mais brancos“.

A aglomeração das influenciadoras e ex-BBBs aconteceu nos bastidores de uma gravação para o canal de Rezende no YouTube.

Mais de 317 mil mortos no Brasil

O Brasil registrou mais 2.865 mortes em 24 horas no sábado, ultrapassando a marca de 317 mil mortos por Covid-19. Mais de 13,9 milhões de casos de contágio foram registrados no país até o momento. Apesar disso, a maior parte da população segue ignorando as recomendações sanitárias da Organização Mundial da Saúde (OMS) – sobretudo o distanciamento social.

De acordo com o consórcio dos veículos de imprensa, o Brasil está há 87 dias com a média móvel de mortes acima de mil pessoas. Já são 32 dias com a média móvel acima de dois mil mortos diariamente. Onze estados estão com alta nas mortes.

A vacinação segue lenta. Cerca de 12,29% da população brasileira recebeu pelo menos a primeira dose. Mas a segunda dose só foi aplicada em 4,48% dos brasileiros. Ainda é muito pouco. Para conter a pandemia, é preciso que pelo menos 70% da população esteja vacinada e imunizada.

Escrito por Leonardo Torres

Google X Amazon: as smart speakers mais vendidas do mundo

Bebida na cara! Entenda a próxima briga do "De Férias Com o Ex"

Bebida na cara! Entenda a próxima briga do “De Férias Com o Ex”