in ,

Lucas Guimarães comenta suposta crise no casamento com Carlinhos Maia

“O que mais conheço é gente casada infiel”, alfinetou

Foto: Instagram @carlinhosmaiaof

Além de o roubo milionário no apartamento de Carlinhos Maia e Lucas Guimarães, o nome do casal está dando o que falar por outro motivo: uma suposta crise no relacionamento. O assunto veio à tona após o humorista expor o marido, que estava curtindo uma festa com Gabi Martins no último domingo (05). Contudo, para acabar com a curiosidade, o modelo resolveu comentar o que de fato está acontecendo no relacionamento.

Foto: Instagram @carlinhosmaiaof

LEIA MAIS:

Após a repercussão da exposição, Lucas se manifestou em um comentário na página de Instagram Subcebrities. Na ocasião, então, ele negou a crise e, ainda, criticou a fala das pessoas, que, muitas vezes, não têm um relacionamento.

“Acho engraçado pessoas que não sabem nem o que é um casamento, nunca nem sequer teve algo sério com alguém e acham que o nosso, com quase 14 anos juntos, têm o direito de opinar e ainda acham que estão certos”, iniciou o modelo.

Na sequência, então, ele seguiu rebatendo os comentários. Segundo ele, só quem tem um relacionamento pode falar sobre o assunto, pois entende como funciona a vida a dois.

Só aceito opinião de quem sabe o que é um casamento de verdade e, principalmente, quem respeita a pessoa que está do lado, pois o que mais conheço é gente casada infiel. Beijo!”, finalizou.

Até o momento, Carlinhos Maia não falou sobre a suposta crise. Contudo, no último domingo (05), após a repercussão de sua fala, ele comentou que tudo não passava de uma brincadeira. “Brinquei quando disse que alguém tinha que se divertir. Relaxa! Tá tudo bem!”

Curtiu esta matéria? Leia mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

 

Escrito por Ingrid Rodrigues

Soho Sessions acontece esta semana no Rio de Janeiro; saiba mais

Kate Bush aparece no Top 10 da Billboard Hot 100 com música lançada em 1985