Foto: reprodução
in ,

“Lose You To Love Me”, da Selena Gomez, alcança 800 milhões de streams

Esta é a sexta faixa da norte-americana a conquistar tal feito no Spotify

Boa notícia para os selenators de plantão! O single “Lose You To Love Me“, lançado em 2020 pela cantora Selena Gomez e presente no álbum “Rare“, alcançou a incrível marca de 800 milhões de streams no Spotify. Escrita pela própria artista ao lado de Robin Fredriksson, Mattias Larsson, Julia Michaels e Justin Tranter, esta é a sexta faixa da norte-americana a conquistar tal feito.

Leia mais:

Essa música foi inspirada por muitas coisas que aconteceram na minha vida desde o lançamento do meu último álbum. Quero que as pessoas sintam esperança e saibam que você sairá do outro lado mais forte e uma versão melhor de si mesmo“, disse Selena Gomez na época do lançamento da canção.

Próximo álbum de Selena Gomez será totalmente em inglês

Selena Gomez realmente teve muito o que celebrar em 2021. Além de estrelar uma das séries mais aclamadas do ano, “Only Murders in the Building”, a cantora e atriz também conquistou a sua primeira indicação ao Grammy, por “Revelación”, EP em espanhol.

Mas ela já está de olho no futuro, confirmando que seu próximo álbum será totalmente em inglês.

Anitta, Selena, Camila: quem pode viver Rachel Marron no remake de O Guarda-Costas?
(Foto: Getty Images / Uso autorizado POPline)

Em entrevista exclusiva para a Variety, Selena Gomez confirmou já estar trabalhando em seu próximo lançamento musical e que não deve demorar muito para lançá-lo.

Não vai demorar muito de agora. Não vai demorar tanto quanto as pessoas acham. E isso é tudo o que eu vou dizer sobre isso”, afirmou Selena Gomez.

O novo disco será todo em inglês, mas o sucesso do EP em espanhol “Revelación”, que rendeu a ela sua primeira indicação ao Grammy, fará sim ela retornar ao idioma no futuro, apesar de não ser algo que ela “está trabalhando no momento”.

Sobre o “Revelación”, Selena afirmou:

Eu trabalhei tanto para tentar fazer com que ele soasse tão autêntico e real quanto possível. Ele foi muito mais difícil de fazer do que qualquer álbum que já fiz. E foi realmente desafiador”, conta a cantora.

Escrito por Giovanni Oliveira

Machine Gun Kelly fala sobre os dois álbuns que lançará em 2022

Thom Yorke e Jonny Greenwood formam o The Smile e lançam single de estreia