Foto> reprodução/@Lollapalooza twitter
in ,

Lollapalooza EUA dará ingressos para quem se vacinar contra Covid-19

Já imaginou ser vacinado contra Covid-19 e ainda ganhar um ingresso para curtir o Lollapalooza? Essa é a realidade dos cidadãos de Chicago, nos Estados Unidos, onde o festival realizará a sua próxima edição diante da retomada pós-vacinação entre 29 de julho e 1º de agosto.

O departamento de saúde da cidade, localizada no estado de Illinois, anunciou a distribuição de 1.200 ingressos do evento para as pessoas que tomarem a vacina contra a Covid-19 no dia 26 de junho, em postos selecionados.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por lollapalooza (@lollapalooza)


Depois de imunizada com a vacina da Johnson & Johnson, a pessoa receberá um ingresso para curtir um dia de festival. A ação do evento em parceria com o Departamento de Saúde Pública e o Departamento de Assuntos Culturais e Eventos ainda promoverá uma experiência diferente durante a vacinação, com direito a Djs e brindes do Lolla em alguns postos de saúde.

“Um incentivo e benefício para os habitantes de Chicago que recebem uma vacina contra a COVID-19 para proteger suas famílias, comunidades e a si próprios”.

Line-up com Miley Cyrus, Megan Thee Stallion e Post Malone

Semanas após o aviso de adiamento do Lollapalooza Brasil por conta da falta de controle da pandemia no país, o festival anunciou o seu retorno nos Estados Unidos, onde reunirá nomes como Miley Cyrus, Post Malone, Megan Thee Stallion e Foo Fighters em Chicago, entre os dias 29 de Julho e 1º de Agosto.

O line-up, divulgado nesta quarta-feira (19/05), conta ainda com DaBaby, Marshmello, Roddy Rich, Tyler, The Creator e muitos outros artistas. Confira o line-up completo abaixo:

Foto: reprodução/ @lollapalooza Twiter

Confirmado nesta terça-feira, o festival acontecerá em meio a reabertura em pandemia, após a vacinação. Para acessar o evento, além dos ingressos, o público deverá apresentar o comprovante de que receberam o imunizante conta covid-19 ou um teste com resultado negativo, realizado 24 horas antes de cada dia do evento.

Nos Estados Unidos, outros grandes eventos já foram confirmados para o segundo semestre. A vacinação está avançada no país e crianças com mais de 12 anos já recebem as suas doses.

Adiamento no Brasil

O Lollapalooza Brasil anunciou o seu terceiro adiamento desde o começo da pandemia da Covid-19 no país. O festival, que originalmente aconteceria em março de 2020, foi remarcado para dezembro do mesmo ano. Com a falta de vacinas, a organização decidiu adiar o evento pela segunda vez, revelando um calendário para a sua realização em setembro de 2021. Nesta quarta-feira (28), porém, novas datas foram divulgadas.

Foto: reprodução/ Instagram.

Os fãs de música poderão curtir a nona edição da festa nos dias 25, 26 e 27 de março do próximo ano. “Queríamos muito fazer mais uma edição inesquecível neste ano mas, com a emergência de saúde pública de importância internacional decorrente da pandemia, ficou cada vez mais claro que não será possível realizar em 2021 o fim de semana espetacular que vocês amam”, justificou a organização.

Ainda de acordo com o comunicado, os ingressos adquiridos anteriormente continuam válidos. Quem não puder ir ao festival nas novas datas deve solicitar a conversão do valor do ingresso em créditos utilizáveis em qualquer evento produzido pela T4F, empresa responsável, até o dia 31 de dezembro de 2022.

Foto: reprodução/ @lollapaloozabr Twitter

Escrito por Douglas Françoza

Juliette se emociona ao cantar com Gilberto Gil em live

No “Fantástico”, Olivia Rodrigo envia recado aos fãs brasileiros