(Foto: Instagram @krisjenner)
in ,

Então é Natal! Kris Jenner lança cover inédito de “Jingle Bells”

A matriarca da família Kardashian-Jenner contou com a ajuda da filha Kourtney Kardashian e do genro Travis Baker

Kris Jenner roubou a cena do Papai Noel nesta sexta-feira (24), véspera de Natal, com o lançamento surpresa de um cover da icônica canção “Jingle Bells“. A matriarca da família Kardashian-Jenner contou com a ajuda do genro Travis Baker, bateria do Blink-182 que cuidou da produção, e também da filha mais velha, Kourtney Kardashian.

(Foto: Instagram @krisjenner)

Leia mais:

O cover tem 1 minuto e 30 segundos e foi compartilhado nas redes sociais. No Instagram Stories, Kourtney escreveu: “Um pouco de diversão no estúdio com a icônica rainha lendária Kris Jenner. Eu nos sinos do jingle e Travis Baker na bateria, é claro”.

Kris também aparece na arte da canção. Ela posa em um vestido de lantejoulas vermelhas em frente a uma chaminé, enfeitada com meias de Natal.

Esta é a primeira canção de Natal lançada por Kris, embora ela seja conhecida por cantar no passado. Quando completou 30 anos de idade, em 1985, fez um vídeo musical chamado I Like My Friends. O vídeo foi refeito em 2015 por suas filhas e outros famosos, como Scott Disick, Cindy Crawford, Justin Bieber, Katy Perry e Caitlyn Jenner.

A seguir, escute a versão de Kris de “Jingle Bells“:

Rivalidade no passado: Kim Kardashian elogia Taylor Swift

Recentemente Kim Kardashian surpreendeu ao falar bem de Taylor Swift em uma entrevista ao podcast “Honestly with Bari Weiss”. Esse foi o fim de uma “guerra fria” que durou por anos, mas parece que está tudo bem entre elas.

Durante a entrevista, a “Kardashin foi questionada: qual é o seu álbum favorito da Taylor Swift?“. Ela, então, respondeu só com elogios.

“Eu realmente gosto muito das músicas dela. Elas são todas super fofas e cativantes. Eu teria que olhar no meu celular para encontrar um nome”, soltou ela.

O que aconteceu entre Taylor Swift e Kim Kardashian?

Kil Kardashian era casada com Kanye West. Todo mundo lembra do momento marcante do VMA de 2019, quando o rapper subiu ao palco para dizer que Taylor não merecia o prêmio, e sim Beyoncé. Causou uma polêmica e tanto.

Tempos depois, eles até ficaram bem… No entanto, as coisas voltaram a azedar com o lançamento da música “Famous“, na qual ela foi citada. Na letra, ele diz que foi responsável por fazer Taylor Swift famosa e ainda a chamou de vadia. “Eu sinto que eu e a Taylor ainda vamos transar“, solta ele.

Acontece que Taylor Swift ficou muito ofendida com o teor da letra. Mas Kim Kardashian tinha áudios gravados onde supostamente Taylor aprovava todo o conteúdo – depois tudo desmentido.

“🐍🐍🐍🐍” Esse emoji fez parte da carreira da Taylor Swift. Quando Kim fez o “exposed” de Taylor, as pessoas começaram a lotar os comentários da cantora com esse emoji de cobra. No final das contas, ela saiu de mentirosa.

Foi um momento conturbado na vida de Taylor Swift que acabou inspirando o álbum “Reputation“, lançado em 2017. Inclusive, a cobra era o símbolo da era. Nas letras, ela aparecia mais vingativa, principalmente no single “Look What You Made Me Do“, deixando a imagem de boa moça de lado.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

“Christmas Tree”: V, do BTS, lança música para série da Netlix

Manu Gavassi libera versão instrumental e orquestrada de “GRACINHA”