in

Katy Perry recebe decisão positiva em ação judicial em que é acusada de feitiçaria por convento

Uma ação judicial entre Katy Perry e as freiras do convento “Los Feliz”, de Los Angeles, está em andamento desde 2015. Esta semana, uma nova decisão foi tomada pelo tribunal e é favorável à popstar.

Acontece que a cantora tentou comprar o estabelecimento por uma valor de US$14.5 milhõs, no entanto as freiras do convento se voltaram contra  ela, abriram um processo tentando impedir a venda, e chegaram a acusá-la de feitiçaria!

Ainda em março, o tribunal descobriu que as irmãs não tinham autoridade para vender a propriedade. Portanto, a negociação que estava sendo feita para a venda com uma empresária foi interrompida. Este mês, a cantora e sua equipe ganhou um valor de US$10 millhões referentes a danos punitivos. Isso aconteceu já que houve uma interferência na venda que não era permitida legalmente.

“Estamos obviamente muito satisfeitos”, disse o advogado de Perry, Eric Rowen, fora do tribunal. Perry comprou o local e se mudará oficialmente quando uma propriedade alternativa para o convento for encontrada.

Escrito por Caian Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ROCKline: serviço de saúde mental para músicos é lançado no Reino Unido

ROCKline: Quais as músicas que você mais ouviu no Spotify em 2017? Ferramenta te ajuda na retrospectiva