in ,

Joe Locke, de “Heartstopper”, sofre ciberbullying de fãs da Marvel

Joe Locke é atacado por fãs da Marvel após suspeita de que ele fará Wiccano no MCU.

Joe Locke, de "Heartstopper", sofre ciberbullying de fãs da Marvel
(Foto: Marvel)

O ator inglês Joe Locke, conhecido pelo papel de Charlie em “Heartstopper”, é alvo de ciberbullying nas redes sociais. A Marvel divulgou o primeiro teaser da série “Agatha Desde Sempre” nesta semana e revelou a primeira aparição de Joe Locke no MCU. Isso gerou muitas especulações de que ele fará o personagem Wiccano, o que não agradou muitos dos fãs dos quadrinhos. São esses fãs que decidiram atacar o ator.

Joe Locke, de "Heartstopper", sofre ciberbullying de fãs da Marvel
(Foto: Instagram @joelocke03)

Leia mais:

Joe é criticado por sua suposta má interpretação, sua falta de experiência e, principalmente, por aspectos físicos e comportamentais. Os fãs do ator têm se desdobrado para denunciar os posts mais ofensivos e desrespeitosos.

Nas HQs da Marvel, Wiccano é um super-herói adolescente, importante por integrar a equipe Jovens Vingadores. Seu nome verdadeiro é Billy Kaplan e ele é o filho reencarnado da Feiticeira Escarlate (interpretada por Elizabeth Olsen no MCU). Desde a série “WandaVision”, há muita expectativa para saber quem interpretaria Wiccano maior.

Joe Locke, de "Heartstopper", sofre ciberbullying de fãs da Marvel
Joe Locke em cena de “Agatha Desde Sempre” (Foto: Marvel)

Até o momento, a Marvel não oficializou Joe como Wiccano. Apesar da divulgação do trailer, o nome de seu personagem ainda é um mistério. O ator contou, em entrevista recente, que fez os testes para “Agatha Desde Sempre” sem saber sequer qual era o projeto, muito menos o personagem. Só diziam que era um projeto da Marvel.

A carreira de Joe Locke

Joe Locke fez sua estreia como ator em 2022, justamente com “Heartstopper”, que rapidamente se tornou um sucesso mundial na Netflix. Ele ainda estava na escola quando começou a gravar a série.

De lá para cá, ele já visitou países da Europa, o Brasil e os Estados Unidos por conta do alcance mundial do programa, que vai para sua 3ª temporada. Além de conseguir um papel na Marvel, Joe também foi trabalhar na Broadway. Ele integrou o elenco do musical “Sweeney Todd: The Demon Barber of Fleet Street” no início deste ano.

(Foto: Divulgação / Netflix)