in

Hypebot reúne 6 características que toda campanha de Financiamento Coletivo precisa ter para alcançar o sucesso; confira

Reprodução/Politize
Financiamento Coletivo (Crowdfunding)

Reprodução/Politize

O Hypebot publicou hoje (10) as “6 características que toda campanha de Financiamento Coletivo (crowdfunding) precisa ter para ser bem-sucedida”.

O Financiamento Coletivo (Crowdfunding) é uma maneira de financiar uma ideia, testar produtos e serviços, além de construir e fortalecer uma comunidade de fãs.

Funciona assim: você estipula metas financeiras que deseja alcançar, define um prazo para a arrecadação (de 1 a 60 dias) e propõe diferentes faixas de colaboração financeira.

Cada pessoa colabora com o quanto quiser/puder e, para cada faixa de colaboração, é oferecida uma recompensa em troca.

Essa recompensa pode ser simbólica, pode ser produto ou uma experiência. Exemplo: um vídeo personalizado de agradecimento, um adesivo, uma camiseta, um workshop, evento, entre outros.

Se a meta mínima for atingida, o projeto vira realidade e todos os colaboradores receberão recompenas. Caso contrário, todos os apoiadores receberão seu dinheiro de volta, com informações da empresa Benfeitoria.

A publicação assinada por Angela Mastrogiacomo fundadora e CEO da Muddy Paw PR, mostra alguns elementos que fortalecem a iniciativa de financiar coletivamente um projeto, mas, principalmente, antes de investir em uma ideia, as pessoas acreditam na verdade que o artista transmite.

Para ela, “uma campanha de crowdfunding empolgante e bem executada vai além da arrecadação de fundos: ela pode unir uma rede, unificar sua marca, incubar novas ideias de marketing, criar caminhos promocionais de longa duração e filtrar seus verdadeiros superfãs.

Isso, além disso, pode fornecer capital para apoiar seu próximo projeto musical. Uma grande campanha reúne todas essas narrativas e oferece a você uma plataforma para dizer ao mundo: “É quem eu sou, é sobre isso que sou; você não vai se juntar a mim nesta jornada? É meio inspirador”, afirma.

Contudo, alguns artistas cometem erros de execução do projeto, principalmente, por ausência de planejamento.

Veja as características nas quais Angela aponta que são indicativas de uma arrecadação de sucesso para um projeto:

 

1. Um objetivo realista

 

Volte para sua campanha de crowdfunding. É vital que você peça uma meta monetária realista.

Você pode sentir que precisa de R$ 25.000 para cobrir todas as suas despesas, mas se ainda tiver uma base de fãs relativamente pequena ou não interessada, talvez não esteja nos planos agora.

Faça uma avaliação honesta de onde você está, de quem são seus fãs e do que as pessoas têm mais probabilidade de apoiar e, em seguida, escolha uma meta que você sabe que pode alcançar confortavelmente.

Hoje em dia você pode conseguir muito com muito menos, então seja criativo!

 

2. Um senso de urgência

 

Quando as pessoas têm muitas escolhas ou muito tempo para tomar uma decisão, elas geralmente não o fazem.

Portanto, embora a escolha de um longo período de execução para sua campanha possa parecer tentadora, convém reconsiderar.

De tempos em tempos, vimos que campanhas com prazos curtos de 30 dias (em vez de 60 dias) apresentam taxas de sucesso mais altas.

É esse senso de urgência e, para os fãs, a exclusividade, juntamente com tudo o mais que vamos ver, ajuda a criar e sustentar o momento do começo ao fim.

 

3. Apoiadores

 

Você não pode contornar este aqui. As chances de realizar uma campanha bem-sucedida sem um arsenal de apoiadores e pessoas prontas para compartilhar e impulsionar sua campanha ao seu lado são escassas.

Enquanto você quase sempre encontrará apoio fundamental em seus amigos mais próximos e familiares, as pessoas que levarão sua campanha além das expectativas são seus superfãs.

Se você tem uma equipe de rua global de superfãs obstinados prontos para ajudar, ou se você está apenas começando e não tem nenhum, se você quiser transformar alguns fãs em muitos fãs, sua abordagem deve ser exatamente a mesma: incentivar e priorizar quem se compromete a ajudá-lo a ter sucesso com vantagens extras, gritarias mais significativas, gestos acima e além, etc.

Se seus fãs do dia a dia o amarem, eles certamente apoiarão sua campanha, mas isso pode significar doar apenas R$ 10,00 para o benefício de download digital.

Isso pode não ser suficiente para empurrá-lo para o limite da sua meta. Tente encontrar maneiras de fazer com que seus fãs compartilhem sua campanha para que ela alcance ainda mais pessoas.

 

4. Confiança e Esforço

Em uma nota semelhante, você não pode simplesmente confiar em postagens vagas nas mídias sociais ou em explosões por e-mail para financiar seu projeto.

Você terá que se sentir à vontade com a obtenção de informações pessoais. Para quem é introvertido, ou que odeia perguntar qualquer coisa a alguém (estou com você por sinal), essa é difícil. Mas é importante.

Esteja preparado para entrar em contato com todos que você conhece e personalizar essas mensagens. Copiar e colar textos não funcionará dessa vez (será que nunca?).

O que vai funcionar é mostrar aos seus amigos e apoiadores que cada um deles significa algo para você e suas metas individualmente, e que você não poderia fazer isso sem eles.

Quando eles perceberem qual é a sua visão e paixão por esse projeto, eles estarão mais propensos a apoiar você.

 

5. Opções Interessantes de Recompensas

Ter uma seleção atraente de níveis de recompensa e recompensas é um caminho importante para atrair pessoas que, embora não sejam superfãs, mas, estão sempre seguindo e interagindo com você e com as pessoas que estão aprendendo sobre seu trabalho.

Difícil dizer que ter algo para todos ajuda a aumentar suas chances de converter mais vendas. Algumas pessoas podem não possuir um toca-discos, ou um laptop com um CD player, etc. Então, buscar opções diferentes e acessíveis é a melhor alternativa.

 

6. Um toque pessoal

Se você me perguntar, tudo nesta indústria faria melhor com um toque pessoal. Olha, você está pedindo para as pessoas se separarem do seu dinheiro suado e acreditarem em você para criar algo que não está acabado ou talvez ainda tenha começado.

Se você quer que eles realmente invistam em você e acreditem no que você é, você precisa mostrar quem você é.

As pessoas financiam pessoas, não projetos.

Isso significa atualizar regularmente sua campanha para manter todos informados, sincronizar informações em todos os seus canais, mas personalizar suas mensagens para mostrar a todos que apoiam seu projeto o mesmo nível de gratidão e se divertir bastante com isso!

Grave algumas músicas novas ou vídeos de bastidores e compartilhe-os. Conte histórias. Divirta-se no projeto e mostre o melhor da sua personalidade. Se você quer que as pessoas se importem, mostre a elas quem você é em um nível pessoal.

 

Angela Mastrogiacomo é fundadora e CEO da Muddy Paw PR, onde seus artistas têm visto colocação na Alternative Press, Noisey, Substream, e mais, bem como a diretora de Comunidade e Eventos para Music Launch Co. 

Escrito por Redação POPLine

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Zé Felipe revela que compõe no banheiro e admite ter medo de dormir sozinho por conta de “assombrações” no The Noite!

Beyoncé entra na corrida pelo Oscar com “Spirit”, de “O Rei Leão”