Gibson lança iniciativa para combater casos de overdose na música
Foto: TEMPO, campanha Gibson/Divulgação
in

Gibson lança iniciativa para combater overdose na música

Braço de caridade da Gibson, marca de guitarra icônica, quer previnir casos de overdose entre músicos

A Gibson Gives, braço de caridade da Gibson – marca de guitarra icônica que moldou os sons de gerações de músicos e amantes da música em todos os gêneros há mais de 100 anos – lança uma nova iniciativa para ajudar os músicos a combater a overdose de drogas.

A iniciativa chamada de TEMPO – Training and Empowering Musicians to Prevent Overdose (Treinando e Empoderando Músicos para prevenção da Overdose) – procura dar aos músicos e artistas, a educação de que precisam para salvar vidas caso encontrem alguém em estado de overdose. De acordo com a iniciativa, eles treinam indivíduos para administrar naloxona de Narcan, um spray nasal que pode ajudar a aliviar e prevenir overdoses.

O TEMPO afirma que 56% das overdoses de opióides ocorrem em residências particulares, fora do alcance dos profissionais médicos. A iniciativa planeja facilitar acesso desse medicamento, caso exista um incidente de overdose. Gibson diz que o programa também visa fornecer recursos e aconselhamento aos usuários atuais de opiáceos. Aqueles que perderam um ente querido ou um colega de banda por overdoses também são incentivados a buscar apoio. TEMPO lista os principais sintomas de uma overdose de opióides, que incluem:

  • Não estar respirando;
  • Lábios e unhas azuis;
  • Não responder às tentativas de despertar

“Perder um músico por overdose é demais. O abuso de opióides é real ”, diz um comunicado no site. “Alguém que você conhece agora está abusando de opioides e você provavelmente nem sabe disso”, aponta a iniciativa. TEMPO é um programa em que nossa missão é criar uma rede onde possamos treinar músicos e qualquer pessoa ligada à indústria da música a usar naloxone para que tenham o poder de salvar vidas caso descubram alguém no meio de uma overdose.”

O Gibson Gives está fazendo parceria com nove organizações sem fins lucrativos para a iniciativa TEMPO. Esses membros fundadores incluem Harbor Path, MusiCares, Musicians for Overdose Prevention e Solace for Hope, bem como quatro organizações adicionais. Entre eles estão a National Harm Reduction Coalition, a Roadie Clinic, a The SCARS Foundation e a Life By Music Foundation.

A nova iniciativa terá início na temporada de concertos a partir do mês de junho de 2021. Uma série de programas ‘powered by TEMPO’ aparecerá em shows, clubes, estúdios de gravação e outros locais centrados na música para aumentar a conscientização sobre o problema.

cause of death by music genre
Foto: The Conversation, estudo 2014/Reprodução

Um estudo de 2014 sobre a causa da morte acidental entre gêneros musicais encontrou fortes correlações. As mortes acidentais foram atribuídas a 30% e 36,2% nos gêneros punk e metal. As mortes acidentais incluiriam overdoses de opióides, que o TEMPO busca prevenir com sua campanha de conscientização por meio da educação de músicos.

Escrito por Láisa Naiane

Os Amantes, grupo de Jaloo e Strobo, apostam no rock no clipe de “Bye!”

iHeartRadio Awards 2021: confira as performances da premiação