Foto: Marcelo Rossi
in

Gene Simmons confirma residência do KISS em Las Vegas para dezembro

Shows do KISS na cidade se estenderão até fevereiro de 2022.

Se você é fã do KISS e estará nos Estados Unidos no fim de 2021, você terá uma nova chance de assistir a um show dos caras. Isso porque Gene Simmons confirmou que a banda voltará a Las Vegas para mais uma sequência de shows em dezembro.

O lendário grupo de hard rock chegou a anunciar a última perna de shows da turnê de despedida, a The End of the Road Tour, que seria encerrada no outono deste ano no hemisfério norte. Entretanto a pandemia do coronavírus atrapalhou os planos da banda, que confirma agora uma nova residência em Vegas, que se estenderá até 2022.

Gene Simmons confirma residência do KISS em Las Vegas para dezembro. Foto: Divulgação

Gene Simmons revelou a novidade em uma nova entrevista que concedeu na galeria Animazing, em Nova York. Ele ainda não deu mais detalhes da residência, nem mesmo confirmou datas das apresentaçõoes – apenas a primeira em 27/12. Na ocasião, Simmons foi questionado se o KISS voltaria um dia aos palcos da “cidade do pecado” e respondeu sem titubear: “Vamos!”.

Leia mais:

O músico continuou:

“Minha banda favorita, aquela que usa mais maquiagem e salto alto do que você jamais usou, irão para… Para onde eles irão? Na verdade, será no Zappos [Theater, dentro do Planet Hollywood]. Em Las Vegas, começando no dia 27 de dezembro. É isso, até mesmo na noite de reveillon! Estaremos por lá até fevereiro, mas isso será no meio da turnê do KISS, que passará por todo o mundo.”

A entrevista com Gene Simmons também foi registrada em vídeo, assista:

Em sua última passagem por Las Vegas, o KISS comandou uma residência de nove shows no The Joint at Hard Rock Hotel and Casino no ano de 2014. Nesta época, a banda registrou a sequência de shows, que resultou no filme “KISS Rocks Vegas”, lançado dois anos mais tarde, em 2016.

Escrito por Mari Pacheco

“Streaming está matando uma geração inteira de artistas”, diz Simon LeBon (Duran Duran)

Ilha Record: Exilados colocam em ação plano para prejudicar Pyong