Foto: Rafael Avancini
in

Francisco, el Hombre lança clipe de sua versão de “Roda Viva”, música de Chico Buarque

Nova versão da música está na trilha sonora do documentário “A Fantástica Fábrica de Golpes”.

A nova música da banda Francisco, el Hombre é especial. Não só por ser sua nova aposta, mas porque é uma regravação de um grande clássico de Chico Buarque: “Roda Viva”, que já chega com videoclipe poderoso.

Francisco, el Hombre Roda Viva
Foto: Rafael Avancini

A nova versão de “Roda Viva”, apresentada agora pela banda Francisco, el Hombre, faz parte da trilha sonora do documentário “A Fantástica Fábrica de Golpes”, que destrincha o colapso da democracia brasileira a partir do golpe que resultou no impeachment de Dilma Rousseff. O filme leva a assinatura de Victor Fraga e Valnei Nunes e é uma co-produção do Brasil com o Reino Unido.

Para deixar ainda mais especial, a banda junta “Roda Viva”, faixa tão relevante hoje quanto foi em 1967, quando foi apresentada por Chico Buarque e a banda MPB-4, com outro clássico do cantor e compositor: “Apesar de Você”, ambas as músicas sinônimos de resistência à ditadura.

“‘Roda Viva’ é uma música cíclica, que vai acontecendo de novo e de novo, sempre levemente diferente, porém em ciclos. Acho que essa característica tem uma analogia forte com as fases da história”, reflete Mateo Piracés-Ugarte, da banda Francisco, el Hombre.

“O contexto em que essa música surgiu, após o golpe militar de 64, traz muitas semelhanças com o período que vivemos atualmente, com crises políticas, questionamento sobre os direitos básicos humanos, manipulação midiática… Tudo isso parece se repetir na história, que é cíclica como a canção”, completa, em comunicado à imprensa.

A sonoridade da nova versão de “Roda Viva”

Para a sonoridade da nova versão de “Roda Viva”, a banda Francisco, el Hombre resolveu honrar cada um desses “ciclos” que marcam a trajetória dessa emblemática música, incluindo forte arranjo de vozes, inspirações em ritmos latino-americanos (como a bachata, da República Dominicana), uma presença de guitarra e a participação ilustre do instrumentista chileno Rodrigo Rojas nos teclados.

Para o clipe, a diretora Gabi Jacob incluiu cenas do próprio documentário “A Fantástica Fábrica de Golpes”, deixando a produção ainda mais poderosa.

Veja:

Escrito por Kavad Medeiros

Instagram apoia lançamento de música de artistas LGBTIQ+

Vem nova era! Jessie J compartilha trecho instrumental de nova música