Foto: reprodução/Instagram @badgalriri / Divulgação Fenty
in ,

Fãs gays reprovam coleção de cuecas da Savage x Fenty, marca de Rihanna

Alguns fãs da cantora ficaram decepcionados com o estilo das peças lançadas pela marca

Além de artista, Rihanna é uma empresária de sucesso. A cantora não se contentou com o sucesso da Fenty, sua marca de cosméticos e maquiagem, e resolveu se aventurar no mercado da moda intima com sua coleção Savage x Fenty. Pensando em ramificar o seu negócio, a empresária lançou uma coleção direcionada ao público masculino.

Dona de um grande grupo de fãs, a cantora é muito querida pelo público LGBTQUIA+. Só que, aparentemente, as imagens já liberadas da coleção não agradaram alguns de seus fãs gays, que acharam as peças muito tradicionais. Embora ainda não tenha sido totalmente lançada, as peças, em sua maioria, são cuecas boxers com largas faixas de elástico. A coleção foi criada ao lado do modelo da marca, Christian Combs (filho de Sean Diddy Combs)

Foto: Divulgação Fenty


A coleção completa só será exibida durante o desfile online da marca, “Savage X Fenty Show Vol. 2 ”. agendado para acontecer no dia 02 de Outubro.

Foto: Divulgação Fenty

As cuecas da Gaga

Outra cantora andou se aventurando no design de peças íntimas. A cantora Lady Gaga colocou à venda em sua loja oficial na Internet um produto curioso: um jockstrap personalizado com a logo de “Chromatica”, seu álbum novo. Jockstrap, para quem não sabe, é uma espécie de cueca com a parte de trás vazada, deixando o bumbum à mostra. É muito usada por homens gays, e é considerada um item de fetiche.

A jockstrap “Chromatica” da Lady Gaga é rosa e vendida por US$ 30, em um combo junto com a versão digital do álbum novo, que será lançado no dia 29 de maio. Trata-se de uma edição limitada!

Foto: Divulgação

Escrito por Douglas Françoza

“Boca”: Com participação especial de Flay, Bianca Andrade lança clipe de música produzida por Pedro Sampaio

Francinne Atura ou Surta clipe

Francinne lança clipe de “Atura ou Surta”, música inspirada em Prince e Michael Jackson