Foto: Getty Images
in

EUA pode reabrir teatros e casas de show no segundo semestre, diz especialista

A informação foi divulgada pelo principal cientista dos EUA no combate ao coronavírus, Dr. Anthony Fauci

Um dos maiores especialistas do mundo em epidemias e principal cientista dos EUA no combate ao coronavírus, Dr. Anthony Fauci declarou que os teatros e outros locais de entretenimento ao vivo podem reabrir no outono (setembro a dezembro), durante uma conferência realizada pela Association of Performing Arts Professionals, no último sábado (9).

De acordo com informações do The New York Times, na conferência, o Dr. Fauci procurou assegurar às pessoas do setor que o fim de sua crise econômica aguda estava à vista, ao mesmo tempo em que enfatizou que o cronograma dependia de o país atingir um nível efetivo de rebanho imunidade, que ele definiu como vacinar de 70% a 85% da população.

“Se tudo der certo, isso ocorrerá em algum momento de outono de 2021, de modo que, quando chegarmos do início ao meio do outono, você possa fazer com que as pessoas se sintam seguras no palco, assim como as pessoas na plateia”, disse Fauci.

Mesmo que os Estados Unidos alcancem a imunidade coletiva, no entanto, Fauci disse que os locais e teatros ainda podem precisar tomar algumas precauções de segurança, especialmente se não tiverem uma boa ventilação ou sistemas de filtragem de ar. Além disso, os locais ainda podem exigir que o público use máscaras, o que pode ser necessário por algum tempo, mesmo quando a vacina for distribuída.

Durante a conferência, Fauci ainda disse que a indústria de shows pode seguir algumas dicas das companhias aéreas quando se trata de reabertura e que a admissão aos shows pode depender de um teste negativo de Covid-19. Ele também citou um estudo recente na Alemanha, que mostrou que concertos em arena poderiam ser seguros se o local fosse equipado com um bom sistema de ventilação e tivesse outros protocolos de segurança em vigor.

Uma dessas precauções, no entanto, é manter os shows em capacidade limitada. Porém, a preocupação do mercado nesse caso é que, dessa forma, muitos shows não serão financeiramente viáveis ​​se os locais não puderem operar em sua capacidade total.

Embora a cautela e a vigilância continuassem sendo as principais preocupações de Fauci, ele terminou otimista, dizendo: “Estaremos de volta aos teatros – os artistas se apresentarão, o público se divertirá. Isso vai acontecer”.

Escrito por Rafa Ventura

Banda Hotelo anuncia single com Vitor Kley

Silicone no bumbum? Lexa nega