Foto: Divulgação/Coala Festival
in ,

Especial “Amor e Sorte com Gilberto Gil” estreia nesta quarta (21) no Globoplay

O especial é uma exclusividade Globoplay e mescla clipes de regravações de artistas para sucessos de Gilberto Gil e depoimentos do cantor.

O sucesso da série “Amor e Sorte”, criada por Jorge Furtado, focada em relacionamentos e suas transformações na pandemia, ganha agora um especial musical feito exclusivamente para o serviço de streaming Globoplay: “Amor e Sorte com Gilberto Gil”.

Gilberto Gil
Foto: Divulgação / TV Globo

O especial estreia nesta quarta-feira (21), aberto também para não assinantes do serviço, e vai mostrar a história por trás das composições das músicas de Gilberto Gil.

Os depoimentos do icônico cantor serão mesclado com performances de outros artistas para seus sucessos e parcerias inéditas para novas versões dessas canções, que foram gravadas durante a quarentena.

Artistas regravam Gilberto Gil

Fazendo uma verdadeira viagem no tempo, contando curiosidades sobre os momentos em que as músicas selecionadas para o especial foram escritas, Gilberto Gil fala sobre amor, ideologias e memórias.

As músicas e artistas selecionados para o especial “Amor e Sorte com Gilberto Gil” são:

  • Sandy e Lucas Lima – Estrela
  • Lucy Alves – Andar com Fé
  • Liniker – Barato Total
  • Céu e Pupilo – Aqui e Agora
  • Milton Nascimento e Amaro Freitas – Drão
  • Anavitória – Retiros Espirituais
  • Pitty – Questão de Ordem
  • Teago Oliveira – Esotérico
  • Elza Soares e Renegado – Divino Maravilhoso
  • Rubel – Palco
  • Silva – A Coisa Mais Linda Que Existe

Para deixar o especial ainda mais lindo, o próprio Gilberto Gil se apresenta com sua família, a música de abertura: “Parabolicamará”.

“Gil é um artista que dialoga muito bem com o presente. E ‘Amor e Sorte’ é uma série que se propõe justamente a fazer isso. Foi a partir daí que pensamos nele para embalar nossas histórias”, afirmou Patricia Pedrosa, diretora do especial.

“Inspirada por isso, tive a ideia de convidar músicos que estivessem quarentenando juntos para gravarem suas versões das canções do Gil da forma mais caseira e artesanal possível, com poucos recursos e instrumentos, em suas casas ou estúdios. Pedimos que filmassem o processo com suas próprias câmeras e celulares. O material foi chegando e era tão rico que percebi que precisávamos dividi-lo com o público. Jorge (Furtado) deu a ideia de convidarmos o Gil para um bate-papo sobre sua trajetória, influências, parcerias e as canções usadas na série. Também pedimos que os cantores enviassem perguntas a ele. Costuramos isso tudo com a edição dos clipes e fizemos nosso especial musical”, concluiu a diretora.

Um desses músicos é Milton Nascimento, outra lenda da música brasileira, que tem uma relação de amizade forte com Gilberto Gil e não poupou elogios ao cantor.

“Quando eu larguei tudo em Belo Horizonte pra tentar a vida em São Paulo, Gil foi uma das pessoas mais importantes pra mim naquele momento”, afirmou Milton Nascimento.

“Era 1965, e a situação era muito difícil pra todo mundo. Dessa época, por exemplo, eu nunca esqueço de quando fui mostrar minhas músicas para Elis Regina, e Gil estava lá dando a maior força. Por isso que, até hoje, sempre que chamam pra qualquer coisa que Gil esteja envolvido, eu quero estar junto. Como agora, em que tive a chance de gravar pela primeira vez “Drão”, uma das músicas mais lindas que eu conheço. Me sinto muito privilegiado e, principalmente, bastante emocionado em ter a chance de cantar em homenagem a esse cara que eu amo tanto. Gil merece tudo, sempre!”, concluiu o músico.

Escrito por Kavad Medeiros

‘Sussu’: Criançada faz desafio de dança ao som do novo hit da Lexa e viraliza nas redes

Descubra com POPline: Cantor, compositor e multi-instrumentista, Alexander 23 aposta em músicas bem emotivas