in

Escrachado: Heidi Montag, Britney “Over Capacity" e Christina Aguilera entre as vítimas da semana

http://stardietsecrets.com/wp-content/plugins/wp-o-matic/cache/74256_1026_heidi_montag_bikini_video_11-thumb.jpgOlá Heidi Montag, sua música é ótima, assim como você. E eu sou o Batman. Beijinhos, Alessandro Freitas.

Oi, você, pessoa que foi assistir “Alice No País Das Maravilhas” em 3D, roubou o óculos do cinema e para não sofrer algum castigo supremo, fez a caridade de visitar um asilo de velhinhas tão gostosas quanto Madonna. Lá, você dançou devassadamente “Like a Virgin” para as tias safadas, que ficaram loucas com tanta testosterona exalada. Vocês já sabem quem sou eu e o que isso aqui é, então, não vou repetir a mesma frase dos outros Escrachados. Cansa a minha superficialidade. Beijos Heidi.

http://162.144.206.181/~popline/images/escrachado/Heidi%20Montag.gif

Diferente de Heidi, Britney Spears é daquele tipo de mulher tão gostosa quanto a Baleia “Over Capacity” do Twitter. Inteligente, sabemos que a moça sabe contar até três. Falando em três, “3” é o nome de uma música que conseguiu o primeiro lugar na Billboard HOT 100 (cof cof Christienni cof cof), né Britienni? Então, quer nome tão sexy e cheio de sucesso quanto “3” para uma música? Números ímpares são sensuais, os pares não! Imagine se o single da “Over Capacity” se chamasse “2” ou “4”, perderia toda a graça! Só não vai imaginado que apenas números ímpares podem ser sensuais. Toda regra existe sua exceção, e a exceção dos números sensuais é o zero. Sabe o motivo? Zero é igual “0”, que é igual à representação safada do orifício anal (Escrachado sendo fino, evitando falar cu. E você, adorável em acentuar o cu, saiba que cu não tem acento e este parágrafo foi feito aleatoriamente só para falar cu inúmeras vezes e te chocar com tantos cus).

E o que números ímpares, zero, Britney e cu possuem em comum? Nada, só queria mesmo comparar Britney com Baleia “Over Capacity”, dizer que Gritona ainda não emplacou seu single e falar cu várias vezes, afinal, vocês precisam ter algum motivo para reclamar do Escrachado nos comentários.

http://162.144.206.181/~popline/images/escrachado/Britney%20Spears.gif

Colocando os animais e números de lado, vamos falar de nomes. Imagine como seria magnífico se algumas divas pop tivessem nomes de baixo orçamento: Katyenni Perry, Cheryenni Cole, Leoenni Lewis, Rihanna (cof cof não mudei nada cof cof), Britienni Spears, Kellyenni Clarkson, Lilyenni Allen, Christienni Aguilera e Nellyenni Furtado. Me sinto até no interior, lendo tantos nomes lindos.

Voltando a falar de Christienni, porém Aguilera, “Not Myself Tonight” teve sua estréia fora do top20 na Billboard HOT 100. Rindo baldes dela (imparcialidade gratuita e explicita). O triste é que a música ainda pode conseguir alcançar uma ótima posição nos charts. Só que macumba online existe, e já estou lá armando meu terreiro para tentar impedi-la.

http://162.144.206.181/~popline/images/escrachado/Lady%20GaGa.gifPelo menos Christina ficou mais gostosa usando a mesma roupa que Lady GaGa.

Bem, Escrachado número NOVE pronto. Vejo vocês semana que vem no número feio e par, dez. Quem esperava comentários sobre o novo vídeo lésbico e incestuoso de Pepê & Neném, com aqueles efeitos elaboradíssimos e devassos, eu não farei.

Beijos Heidi, meninas, meninos e animais. VEJO VOCÊS A QUALQUER MOMENTO E AO VIVO.

Bônus – Parte censurada do Escrachado 8.
Cheryl Cole é daquele tipo que arrota paixão, peida amor e defeca carinho em forma de charuto. Tanto amor assim resultou num sucesso incrível nós últimos tempos. O que nos leva a pensar que a qualquer momento alguém tentará se aproveitar dele para se promover. E adivinha, esta pessoa já apareceu! Seu nome? Nicole Schwarzenegger, porém Scherzinger.
Nicole, que falta pouco participar de alguma música do Padre Fábio de Melo, pretende pegar carona no sucesso de Cheryl com a desculpa que um dueto ajudaria sua carreira em solo americano. Porém, alguém que possui apoio de Will.i.am e Simon Cowell, como Cheryl, vai precisar de uma pessoa incapaz de fazer sucesso em carreira solo? Com certeza, não!
Enfim, imagine se esse dueto realmente acontecesse, poderia até ter como resultado uma boa música. Se Lady GaGa e Beyoncé gravaram “Telephone”, Cheryl e Nicole poderiam gravar “Multifunction Printer”, sobre uma mulher com tantas funcionalidades quanto uma impressora multifuncional (Cof cof Nicole cof cof).

Escrito por Redação POPLine

72 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

"Boom Boom Pow": Black Eyed Peas estrelam o comercial do novo BlackBerry

R&B nunca mais? Kelly Rowland se entrega a dance music em seu novo single; ouça