Connect with us

Claudia Leitte

Entrevista: Claudia Leitte fala sobre novo álbum “Bandera Move”, novo single “Perigosinha” e carnaval 2020

Também falamos com Claudinha sobre a grandiosa turnê “Bandera” e ainda sobre novos clipes! Confira!

Published

on

Claudia Leitte lançou nesta semana a primeira parte de “Bandera Move”, o seu novo álbum. Esse é o primeiro disco dela desde 2014, quando lançou “Axemusic”, e o primeiro também após a pausa que ela deu a carreira para se dedicar a sua filha Bela, que nasceu neste ano. Agora, após o período de resguardo, a cantora dá início a sua temporada de verão com músicas frescas e com a cara da estação mais quente do ano. “Bandera Move” traz quatro faixas dançantes que mesclam português, inglês e espanhol e passeiam por uma grande variedade de ritmos, desde o melhor axé music até a cumbia. O single abre-alas “Bandera” foi lançado em há cerca de dois meses, junto com a turnê de mesmo nome que estreou em Salvador. Por lá, Claudia apresentou mais uma faixa do novo disco, “Let’s Go”, e em shows posteriores também nos mostrou “Fin de Semana”. “Perigosinha” foi a música guardada a sete-chaves e que servirá como a grande aposta da cantora para o carnaval 2020. Conversamos com Claudinha sobre o lançamento de “Bandera Move”, o novo single “Perigosinha”, a escolha do novo repertório, a grandiosa turnê “Bandera” e ainda tentamos arrancar algumas novidades a respeito de novos clipes e o tema do carnaval. Confira!

(Foto: Jacques Dequeker / Divulgação)

Na última sexta-feira você lançou o seu primeiro álbum desde “Axemusic”, que foi um disco ao vivo. Lembro que em 2017, quando lançou “Baldin de Gelo”, você estava um pouco desacreditada deste formato, uma vez que muitas canções ficam esquecidas e não são trabalhadas. O que te fez querer lançar um álbum completo mais uma vez?

Estamos lançando esse trabalho em partes o que nos dá a oportunidade de apresentar bem cada uma das músicas. Além disso, devia isso para mim como artistas e ao meu público.

A primeira parte de “Bandera Move” chega às plataformas digitais nesta sexta-feira com 4 faixas. O que te fez optar por estas músicas primeiro?

São músicas que possuem a cara do verão…dançantes. Ainda vem mais coisa boa por aí. Mas garanto que assim como Bandera, ninguém vai ficar parado ao escutar “Perigosinha”, “Let’s Go” e “Fin de Semana”.

Você escolheu “Perigosinha” como carro-chefe para o verão, inclusive guardou a música a sete-chaves, já que ela foi a única que não ganhou performance ao vivo antes do lançamento. Quando você aposta em uma música como esta, o que leva em consideração? Pretende fazer clipe para “Perigosinha”?

Não há uma fórmula para essas escolhas. Mas pesa muito o que sinto ao escutar a música finalizada, a época do ano que estamos e a opinião da minha equipe.

Falando em clipes, o clipe de “Bandera” estava em seus planos, mas não foi gravado por problemas de saúde. Ainda pretende produzir este vídeo? Se sim, a ideia será a mesma do planejamento inicial?

Vamos seguir com todas as novidades que estão por vir.

No primeiro show da turnê “Bandera Tour” você apresentou “Let’s Go”. De primeira, “Let’s Go” deu muito certo ao vivo. Você também já falou que ela pode ganhar a mesma força de “Dekolê” – uma das mais queridas dos fãs e mais esperadas em suas apresentações. Você sempre pensa em lançar músicas 100% pensadas para o carnaval? É uma preocupação?

Quando faço música não penso especificamente em Carnaval, não. Faço música para marcar o verão das pessoas… Para que elas olhem daqui a 10 anos e tenham boas memórias desses momentos.

“Let’s Go” tem participação de Carlinhos Brown, criador de grandes sucessos do carnaval baiano. Como foi esta parceria? Não é a primeira vez, já que ele esteve em “Busy Man”, também em “Negalora” e diversos outros momentos de sua carreira.

Brown é mais do que uma pessoa muito talentosa e uma referência musicalmente falando para mim. Ele foi uma das primeiras pessoas a apostarem em mim no cenário da música baiana! Carlinhos sempre participou da minha carreira, seja me dando músicas ou em colaborações. Brown é meu grande amigo. Eu amo muito ele!

Na primeira parte do “Bandera Move” também está “Fin de Semana”, uma música em espanhol – assim como parte do primeiro single “Bandera”. Você vem apostando neste idioma desde 2015, quando lançou “Corazón”. O que te fez optar por gravar novamente músicas em espanhol?

Primeiramente ter gostado muito dessa música. Além disso, a acredito que as canções vão além das barreiras de qualquer idioma. Como artistas, acho isso sempre importante.

A turnê “Bandera” apresenta lindas projeções, uma abertura bem impactante e troca de figurino – tudo que o público de música pop gosta, porém não vê com muita frequência em shows aqui no Brasil. Como você construiu esta turnê? Levou estes detalhes em consideração, trazer algo diferente para os palcos nacionais?

Realmente é uma megaprodução. Pensei, juntamente com minha equipe, cuidadosamente em cada detalhe. Acho que meus fãs merecem sempre o que de melhor eu puder oferecer para eles.

Podemos esperar uma extensão desta tour no carnaval? Como será a temática de 2020?
Sempre gosto de trazer alguma novidade no Carnaval, mas sempre é surpresa, então vou deixar isso no ar, risos!

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



POPline Mix




Ranking