in ,

Em dia contra homofobia, Pabllo Vittar, Johnny Hooker, Daniela Mercury, Preta Gil e Valesca se posicionam

Montagem com fotos de Daniela Mercury, Johnny Hooker, Pabllo Vittar, Preta Gil e Valesca
Artistas usaram suas redes sociais neste domingo para se posicionar contra a homofobia (Fotos: Divulgação)

O Dia Internacional da Luta Contra a Homofobia ocorre anualmente em 17 de maio. Por isso, neste domingo, diversos artistas usaram suas redes sociais para relembrar a data e manifestar apoio à comunidade LGBTQIA+ no Brasil e no mundo. Daniela Mercury, Pabllo Vittar, Johnny Hooker e Valesca foram alguns deles.

A cantora baiana Daniela Mercury usou seu Instagram para falar do assunto e publicou um vídeo, onde ela aparece em cenas românticas com sua mulher, a joranlista Malu Verçosa.

“O que nos une é o mais sagrado. Seja livre! Hoje é dia de luta contra LGBTQFOBIA. Dia de apoiar a luta por igualdade, respeito e liberdade de amar de ser feliz e viver em paz com o apoio das famílias e sem opressão e violência da sociedade”, disse.

Pabllo Vittar, por sua vez, usou o Twitter para lembrar a data. Em uma publicação na rede, ela defendeu:

“Nesse dia queria pedir mais união, queria pedir que a gente se respeitasse mais E que possamos entender que isso é uma luta coletiva! vamos nos amar mais o mundo já é bem maldoso com as pessoas da nossa comunidade. Não sejamos como essas pessoas”

Quem também se posicionou foi o cantor Johnny Hooker. Depois de repostar uma mensagem no Twitter que dizia: “civilizações caem, a bicha permanece”, o artista pernambucano resgatou o vídeo de uma premiação onde ele discursou sobre a morte de LGBTIA++ no Brasil. Na ocasião, ele relembrou casos de assassinatos que ocorreram no país e disse:

“A gente não pode esquecer que o Brasil é o país que mais mata LGBT’s no mundo. Mariele presente, Matheusa presente, Dandara Presente! Parem de nos matar!”

Já Valesca Popozuda fez uma série de postagens em seu Twitter. “Hoje é um dia importante que deveria ser lembrado todos os dias, pois se não houver respeito não existe nada!”, afirmou a cantora. Em outra mensagem, ela diz: “hoje é um dia importante que deveria ser lembrado todos os dias pois se não houver respeito não existe nada!”.

Preta Gil também usou as redes sociais para comentar sobre a data. No Instagram, ela publicou uma foto segurando uma bandeira so arco-iris, acompanhada da legenda: “levantar essa bandeira sempre foi muito natural pra mim, mas num determinado momento da minha vida eu descobri que pra muitos não era natural. Nesse momento eu entendi o símbolo e a importância de erguer a bandeira e lutar por respeito!!! E hoje 17 de maio, Dia Mundial do Combate à LGBTQIfobia, assim como todos os dias, eu luto, eu grito, eu peço, eu exijo: respeito, direitos e AMOR LIVRE!!!”.

Veja as publicações dos artistas sobre Dia Internacional da Luta Contra a Homofobia 

Daniela Mercury

Pabllo Vittar

Johnny Hooker

Preta Gil

Valesca

Escrito por Victor Arris

Britney compartilha vídeo para comemorar 20 anos do ‘Oops!… I Did It Again’

Família Gil se reúne em programa de TV com música e culinária