in

Donald Trump comenta posicionamento político de Taylor Swift: “eu gosto 25% menos de suas músicas agora”

O posicionamento político que Taylor Swift fez no domingo (07) está dando o que falar e até o presidente dos Estados Unidos Donald Trump opinou. Nesta segunfa-feira (08) ele foi abordado por jornalistas e questionado sobre a questão. “O que ela disse?”, perguntou, sorrindo.

Quando explicaram para ele, o presidente afirmou que Taylor “não entende nada ou não sabe nada sobre Blackburn”, já que ela se posicionou contra Marsha Blackburn, candidata ao Senado. “Digamos que eu goste da música de Taylor cerca de 25% a menos agora, ok?”, completou. Trump faz parte do Partido Republicano, o mesmo da política que a cantora focou suas críticas.

Assista:

No texto, Taylor falou publicamente que irá votar no democrata Phil Bredesen para o Senado. A candidata republicana, Marsha Blackburn, não é opção para a artista. “Por mais que eu tenha no passado e adoraria continuar votando para mulheres no cargo, não posso apoiá-la. Seus votos no Congresso me chocam e me apavoram. Ela votou contra o pagamento igualitário para as mulheres. Votou contra a re-autorização da ‘Violence Against Women Act’, lei que tenta proteger as mulheres da violência doméstica, perseguição e estupro. Ela acredita que as empresas tem o direito de recusar serviço a casais gays. Ela também acredita que eles não deveriam ter o direito de se casarem. Esses não são OS MEUS valores do Tennessee”, escreveu.

A repercussão foi grande, incluindo um comunicado de Republicanos onde Taylor foi chamada de “elitista” e “hipócrita”. Muitos fãs, no entanto, ficaram do lado da artista.

Escrito por Caian Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Spotify oficializa recorde de Pabllo Vittar com o novo álbum “Não Para Não”

Cyndi Lauper aclama Lady Gaga por sua atuação em “Nasce Uma Estrela”: “incrível trabalho”