Connect with us

Doja Cat

Doja Cat se pronuncia sobre falsas acusações de racismo

Doja Cat finalmente se pronunciar após ter seu nome associado a grupos de extrema direita, racistas e homofóbicos dos EUA.

Published

on

Doja Cat foi um dos nomes envolvidos em polêmicas neste fim de semana turbulento na internet. A cantora norte-americana foi acusada de racismo ao ter seu nome associado a grupos de extrema direita, racistas e homofóbicos dos Estados Unidos.

Doja Cat responde falsas acusações de racismo

Foto: Getty Images / Uso Autorizado POPline

Apesar de toda a confusão e até do “cancelamento” da cantora com a hashtag #DojaIsOverParty, toda a história na verdade foi uma grande farsa e Doja Cat não tem nenhum envolvimento com tais grupos, que também pregam a supremacia branca nos Estados Unidos.

Música antiga

Foi também no meio dessa confusão toda que, para provar as acusações de racismo, resgataram uma antiga música de Doja Cat, onde ela fala o termo “n**ga”, considerado uma grande ofensa para pessoas negras, especialmente as norte-americanas.

O termo usado na música corroborou as acusações de racismo e deixou muitos dos fãs da cantora magoados com a escolha do uso da palavra.

Resposta de Doja Cat

Doja Cat posa de tesouras na mão e cabelo rosa

Foto: Divulgação

Finalmente, depois de vários dias de “cancelamento” e “descancelamento”, a própria Doja Cat resolveu se pronunciar sobre toda a confusão, reafirmando nunca ter feito parte de tais grupos racistas.

Ela também reafirma suas raízes negras, com parte de sua família sendo sim negra e proveniente da África do Sul, e se mostrando “muito orgulhosa” de onde ela vem.

Já sobre a música, Doja Cat afirmou que a utilização do termo “n**ga” não foi feita para xingar ninguém e que na verdade está atrelada totalmente às suas experiências pessoais e foi escrita em resposta a todos que a chamavam desse jeito com o intuito de magoá-la.

Confira a tradução completa da resposta de Doja Cat:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Doja Cat (@dojacat) em

Eu quero esclarecer o que está acontecendo no Twitter.

Eu tenho usado salas de conversa publica para socializar desde que eu era uma criança. Eu não deveria ter estado em alguns desses sites de conversa, mas eu pessoalmente nunca estive envolvida em qualquer conversa racista. Peço desculpas a qualquer um que eu ofendi.

Eu sou uma mulher negra. Metade da minha família é negra da África do Sul e eu sou muito orgulhosa do lugar de onde venho.

Já sobre a música antiga que reapareceu, ela não foi de forma alguma atrelada a qualquer coisa fora da minha experiência pessoal. Ela foi escrita em resposta às pessoas que costumavam usar esse termo para me magoar. Eu fiz uma tentativa de mudar seu significado, mas reconheço que foi uma decisão ruim usar esse termo na minha música.

Eu entendo minha influência e impacto e eu estou levando isso muito a sério. Eu amo vocês todos e peço desculpas por chatear ou magoar algum de vocês. Isso não é do meu caráter e eu estou determinada a isso a todo mundo ao seguir em frente. Obrigada.

HojeTemLive.com.br




Ranking