Mandelão
Foto: Thamires Damas
in ,

Depois do hit “MDS”, Kawe tem nova parceria para o lançamento “Mandelão”

Kawe se junta a MC Hariel.

Kawe se destacou com a música “MDS“, parceria com Lele JP que chegou ao primeiro lugar do Spotify Brasil. Agora, ele tem um novo lançamento, dessa vez se juntando ao funk de MC Hariel. Será a junção de dois artistas referências do momento em cada estilo!

O título dessa nova música é “Mandelão”, com lançamento marcado para a próxima sexta-feira (12). Também virá com um clipe no melhor estilo “paredão”, dirigido por Jay OQ e gravado na Cohab 2, comunidade de Carapicuíba.

Mandelão
Foto: Thamires Damas

Como surgiu a parceria

A ideia de “Mandelão” é valorizar os bailes na cultura da periferia. A colaboração surgiu no encontro que eles tiveram no Elenko Week, projeto em os artistas se reúnem por alguns dias para um processo muito criativo musical.

“Já tínhamos uma ideia do beat, ai fizemos a letra, e finalizamos tudo nesse dia mesmo, trazendo essa mistura de trap e funk, dois universos que conversam muito bem”, explica Kawe. “Retratar na música as vivências dos bailes de quebrada. Já tem um baile chamado Mandela. E eu quis retratar na música o que acontece no role de comunidade. E é isso que a música fala, ‘se os vizinhos tão por nós, eu nunca vou parar’.

Vem ouvir uma prévia!

Ficou curioso para ouvir o que vem por aí? Aqui está uma prévia exclusiva:

Mistura de estilos

A mistura do rap com o funk fazem parte da verve do single. Para o artista, uma verdadeira junção de ritmos que nasceram nas comunidades e periferias do país. “Os dois têm a mesma origem, o rap quem escuta é a periferia, a quebrada. E a mesma coisa pro funk, é os maloqueiros mil grau. E é um consciente dançante, dá para curtir e ser consciente ao mesmo tempo, passar uma visão”.

Apesar de Kawe e MC Hariel não fossem necessariamente amigos, já se admiravam mutuamente em relação aos trabalhos profissionais. “Já era fã. Nos conhecemos durante o projeto da Elenko mesmo”, ressalta o artista, orgulho de poder inspirar as novas gerações periféricas que, assim como ele, também sonham em fazer musica.

“Nos tornar referência para o lugar da onde a gente vem. Quem vem da onde eu vim vai ter um espelho para olhar ali. Quando eu comecei a fazer música na minha comunidade e na região, eu não tinha alguém pra falar que eu vi de perto acontecer, que eu possa ter de referência, que eu possa seguir os passos, que estava perto de mim. Era algo distante, eu via outras pessoas estourando, mas não achava que era possível. Então como eu consegui fazer isso acontecer, quem vem de onde eu vim, batalhando a algum tempo, tem esse espelho. É mais próximo, então fica mais fácil da pessoa sonhar”.

O sucesso do hit, inclusive na assusta Kawe, que vai levando a vida musical sem pressão. “Eu não penso em fazer uma música por conta do sucesso de outra. Porém, com certeza, o sucesso de ‘MDS’ contribui para gerar expectativa nas próximas”, diz, 

Escrito por Caian Nunes

“Tombei” da Karol Conka vira meme em capas de outros artistas

Talk show a caminho: Record perde Jojo Todynho para grupo Globo

Talk show a caminho: Record perde Jojo Todynho para grupo Globo