in

Depois de provocar Rihanna e Lady GaGa, M.I.A ataca Justin Bieber

Não é novidade que a rapper M.I.A. gosta de polêmica. Depois de reclamar das comparações do clipe de “Rude Boy”, da Rihanna, com seus videos e dizer que Lady GaGa não é inovadora e que copia a lendária Grace Jones, M.I.A escolheu seu próximo alvo: Justin Bieber.

Durante uma entrevista a revista européia New Musical Express, M.I.A. defendeu o clipe de “Born Free” alfinetando os videos da sensação teen. “Eu acho os clipes do Justin Bieber mais violentos e mais agressivos aos olhos do que o que eu fiz”, explicou.

“Born Free”, primeiro clipe do álbum /\/\/\Y/\, é um curta-metragem com nove minutos e contém cenas de violência e nudez. Dirigido por Romain Gavras, o clipe mostra adolescentes sendo baleados e correndo por campos minados, entre outras cenas fortes. Por causa das imagens, o clipe chegou a ser censurado em vários canais de televisão.

Após a polêmica gerada com o video, M.I.A trocou o primeiro single do novo CD. Agora “XXXO” é o carro-chefe oficial do projeto que chega às lojas em julho. O último trabalho de M.I.A. foi o disco Kala, de 2007, que contém o hit “Paper Planes”, tema do filme “Quem quer ser um milionário”.

Escrito por Amanda Faia

94 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Christina Aguilera: "Meu clipe novo foi feito para refletir a música e não causar controvérsia"

Artista da década, Eminem está prestes a emplacar mais uma música no topo da Billboard