in ,

“Decidi fazer a minha biografia por conta das fake news sobre mim nos últimos 2 anos”, admite Paula Fernandes

Quando se fala em um show no formato de voz e violão pode vir à mente um espetáculo mais calmo, a plateia acomodada nas cadeiras, sem muita euforia. No entanto, em seu concerto “Voz e Violão” no Rio de Janeiro, Paula Fernandes mostrou, literalmente, que pode se apresentar em um sofá de sala, com iluminação baixa e hits calmos, mas que na sua performance nada é óbvio! Paula Fernandes saiu do palco para cumprimentar a plateia, cantou pela 1° vez ao vivo a sua nova música “Me Queimo Sem Você” e ainda teve espaço para um pedido de casamento surpresa na apresentação de “Pra Você”!

Antes do show, a cantora recebeu o POPline no seu camarim e falou da turnê em formato intimista e também explicou a maior motivação para o lançamento da sua biografia!

Paula, você está atualmente com se apresentando com dois shows diferentes. “Jeans e Voz e Violão”. Quais as diferenças entre as duas turnês?

Esses dois shows apesar de diferentes têm pontos em comum. A ideia de colocar o nome “Jeans” no show é porque é uma peça atemporal. Tem um repertório, que embora seja teoricamente fixo, eu mudo algumas canções como faço no acústico. E a diferença para o acústico é que procuro fazer em ambientes menores, onde as pessoas estão sentadas, é um show mais intimista, convido para sentar no sofá comigo. É mais próximo. O Jeans atinge um público maior, é geralmente feito em festas do peão, feira agropecuária…

Você está no elenco do programa “Autênticas” do canal GNT onde mostra o cotidiano de várias cantoras de sertanejo. Para você qual a importância de um programa falar apenas das mulheres poderosas deste meio musical?

Sobre as mulheres no sertanejo fico muito feliz por ter sido uma das pioneiras recentes depois de Roberta Miranda, Irmãs Galvão, principalmente por ser uma nova mulher nesse meio dominado por homens. Fico feliz por abrir uma porta para tantas artistas maravilhosas que tem o Brasil e esse é objetivo do programa “Autênticas”, uma série que chegou em um ótimo momento para mostrar os bastidores da vida de uma mulher na estrada.

Além disso, a sua biografia acabou de ser lançada. Quais as motivações de estrear na literatura?

Eu escrevi o livro para mostrar a minha realidade, a minha verdade, a minha mãe já tinha muita vontade de fazer uma biografia, mas foi por conta da existência das fake news sobre mim, principalmente nos últimos dois anos. Isso foi aguçando e eu senti a necessidade de escrever sobre a minha história, as passagens difíceis, a depressão… É um livro de superação, principalmente, que vai motivar muitas pessoas a seguirem os seus sonhos, independente da sua origem. É bem revelador!

Questionada sobre as novidades, Paula Fernandes revelou que vem parceria em 2019, mas fez mistério sobre o nome. Aguardemos!

Escrito por Helena Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mariah Carey canta “With You” e dá entrevista no “Good Morning America”

Milhares de pessoas assinam petição para que Maroon 5 desista de show no Super Bowl