in

"Confesso que me empolguei demais", diz Adam Lambert

Adam Lambert teve mais uma chance de explicar sua apresentação no American Music Awards nesta quarta-feira (25). O cantor foi uma das atrações do programa “The Early Show”, da CBS. A entrevista foi agendada depois da ABC cancelar a presença dele no programa “Good Morning America”.

O cantor disse que tem a certeza de que não causaria tanto rebuliço se ele não fosse gay assumido. Adam disse ainda que aconteceram outros “momentos adultos” no show e ninguém falou nada.

“Eu admito que me empolguei. Entendo porquê das pessoas terem ficado ofendidas, mas não foi a minha intenção. Minha intenção foi de interpretar a letra da música e ter me divertir”, revelou.

Adam revelou ainda que não ensaiou os “movimentos” mais criticados – a ponto de irritar a Disney (que é dona do canal ABC) porque foi pega de surpresa com a apresentação. Após a apresentação, a ABC recebeu 1.500 telefonemas reclamando da performance.

“Janet Jackson segurou na virilha de um dançarino e não ouvi ninguém falar nada sobre isso. Eu acredito que é pelo simples fato deu ser gay. Não achava que iriam ter crianças às 23h assistindo televisão. Não sou uma babá. Sou um artista”, completou.

Além da entrevista Adam cantou as músicas “What Do You Want From Me” e “Music Again”. Antes das apresentações, Adam alertou: “pais, é apropriado. Prometo”.

Escrito por Amanda Faia

13 Comments

Site inglês elege música da Beyonce como a melhor da última década

Ober: ouça "Louboutins", de J.Lo, numa versão urban!