Foto: Reprodução Instagram/@cbstv
in

Saiba como assistir a entrevista de Meghan Markle e príncipe Harry para Oprah Winfrey

Entrevista vai ao ar pela primeira vez no Brasil nesta quinta-feira

Vai ao ar nesta quinta-feira (11) a entrevista bombástica de Meghan Markle e do príncipe Harry à Oprah Winfrey. O casal se tornou assunto em noticiários do mundo todo após a exibição do especial de duas horas na TV americana no último domingo. O programa será exibido às 22h30 no canal GNT, com reprise no domingo (14) a partir das 20h.

Foto: Reprodução Instagram/@oprah

Em sua primeira entrevista desde que deixaram a família real britânica, Meghan e Harry abriram o jogo sobre suas vidas como parte da realeza, revelando os motivos que os levaram a deixarem a Instituição em janeiro de 2020.

O casal falou sobre a relação com os membros da família real, revelando que Kate Middleton, esposa de príncipe William, já fez Meghan chorar.

“Ela me fez chorar, me magoou. Não acho justo entrar nos detalhes porque ela me pediu desculpas e eu aceitei. Mas foi difícil ser culpada por algo que não fiz, as pessoas do castelo sabiam a verdade. Acho importante as pessoas saberem a verdade. Ela é uma pessoa boa. Existe essa ideia de que se você gosta de mim, tem de odiá-la. E se você gosta dela, tem de me odiar. Como se fosse uma narrativa de vilã e mocinha”.

Além disso, Harry disse que se aproximou bastante da avó, a rainha Elizabeth II. Por outro lado, deu a entender que não fala com o pai, príncipe Charles, e que cortou relações com o irmão William.

Eles ainda falaram sobre as possíveis questões raciais que envolveram a gravidez de Archie, com declarações de Meghan e Harry dizendo que alguns membros da família real se “preocuparam” com a cor que nasceria o filho deles.

“Nunca vou dividir essa conversa. Eu estava fiquei chocado na época. Não estou confortável em falar disso. Mas foi logo no começo, como a criança iria se parecer. Foi quando soube que a criança não teria segurança. Mas tiveram vários sinais antes de casarmos”, afirmou Harry.

Na entrevista, Meghan também falou pela primeira vez sobre a dificuldades que viveu assim que se tornou parte da família real, afirmando que não recebeu permissão para buscar ajuda psicológica.

“Fui até a ‘Instituição’ e disse que eu precisava de ajuda, que eu nunca tinha me sentido daquele jeito e que eu precisava ir para algum lugar. Me foi dito que eu não podia porque não seria bom para eles. Eu divido isso porque tem tantas pessoas que têm medo de pedir ajuda e eu pessoalmente sei como é isso”.

Família real se pronuncia sobre entrevista

As revelações de Meghan e Harry repercutiram de maneira negativa na família real, que decidiu agir.

A Rainha Elizabeth II foi a primeira a se pronunicar: “Toda a família está triste ao saber o quão desafiadores os últimos anos têm sido para Harry e Meghan“, afirmou a monarca por meio de uma nota emitida pelo Palácio de Buckingham.

As questões levantadas, principalmente de raça, são preocupantes. Embora algumas recordações possam diferir, elas são levadas muito a sério e serão tratadas pela família em particular. Harry, Meghan e Archie sempre serão membros da família muito queridos“.

Na sequência, quem também falou sobre o assunto foi príncipe William. Nesta quinta-feira (11), durante visita a um escola em Londres, o herdeiro ao trono britânico declarou:

“Não somos nem um pouco uma família racista”, disse após ser questionado por um repórter na ocasião. William ainda afirmou que ele e Harry ainda não conversaram, mas garantiu: “Ainda não falei com ele, mas farei isso”.

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

J

Justin Bieber: “não sinto que devo nada a ninguém”

YouTube Space sede Rio de Janeiro é fechada após a pandemia, a companhia adotará formato híbrido

Após fechamento da sede, YouTube Space Rio emite comunicado